PUBLICIDADE
Logo do Flamengo

Flamengo

Favoritar Time

Em reunião com Landim, Eduardo Paes manda recado duro à Caixa sobre novo estádio do Flamengo

Rubro-Negro deve se sentar com o banco nos próximos dias

27 mai 2024 - 23h41
Compartilhar
Exibir comentários

Prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes mandou um duro recado para a Caixa Econômica para a construção do novo estádio do Flamengo. O chefe do executivo afirmou que caso as negociações entre as partes não avancem, o terreno do Gasômetro será desapropriado para que a casa do Rubro-Negro seja erguida.

Foto: Lance!

Em uma reunião com dirigentes do Mais Querido, dentre eles o presidente Rodolfo Landim, Paes citou que existe uma boa vontade da Caixa nas negociações. Mas que poderá tomar uma medida caso o valor do terreno que será passado do banco para o Flamengo em três dias não seja satisfatório.

- No ano passado, eu perdoei uma dívida que a Caixa tinha com a gente de quatro bilhões de reais. Qual a vantagem efetiva que a Caixa está dando para o Flamengo? Vai dar um desconto no preço? Vai diminuir o valor do seu potencial construtivo? Independente do que a Caixa fizer, se a Caixa não quiser vender, se trata de um terreno privado. Se tem um poder autoritário no Brasil que pertence aos governos é a tal da desapropriação. Eu estou dando o recado para Caixa que se não houver um entendimento, um avanço e algum tipo de compreensão. Se não houver algo nesse sentido, a Prefeitura vai desapropriar a região do Gasômetro para permitir a construção do estádio do Flamengo.

Com conversas em andamento, o Flamengo espera um desfecho positivo pela compra do terreno ainda em 2024. No entanto, ainda não há prazo para o início das obras da nova casa do Rubro-Negro.

Lance!
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade