0

Fábio rebate zoações por rebaixamento e provoca Atlético-MG

9 mar 2020
13h19
atualizado às 13h19
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

As provocações da torcida do Atlético-MG em relação ao rebaixamento do Cruzeiro foram respondidas por Fábio. Em entrevista coletiva concedida nesta segunda-feira, o goleiro da Raposa lembrou que o arquirrival também disputou a Série B. O camisa 1 ainda afirmou que a comemoração do Galo pela vitória no clássico de sábado foi exagerada.

"O Atlético ganha, e a gente vê a comemoração que eles fizeram. Entraram em campo… só faltou a volta olímpica. Mas para o cruzeirense é normal vencer um clássico", disse Fábio.

Em relação ao rebaixamento, o atleta do Cruzeiro apontou que apenas times que nunca disputaram a Série B têm o direito de provocar: "Hoje em dia, quem pode falar de rebaixamento é Flamengo, Santos e São Paulo. Esses torcedores têm o direito, como o Cruzeiro tinha até o ano passado. O Cruzeiro sempre falou de Série B porque nunca tinha caído, em termos de tirar sarro de um torcedor ou de um clube".

"Agora, o Atlético, eu não vejo nenhum parâmetro para querer tirar sarro, foi até campeão da Série B em 2006. Acho que não condiz muito com a realidade do clube", completou.

As provocações ao rival não se limitaram ao rebaixamento. Fábio tratou como incomparáveis as histórias de Cruzeiro e Atlético-MG:  "Acho que se for falar de grandeza não dá, né? Títulos, números… o Cruzeiro está muito além do Atlético. Se a gente for falar francamente o que é a história e sobre quem pode tirar sarro, seria o torcedor do Cruzeiro".

O clássico do último sábado foi válido pela oitava rodada do Campeonato Mineiro. A Raposa é quinta colocada com 14 pontos, um a menos que o Galo, que ocupa o quarto lugar.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade