PUBLICIDADE

CPB apresenta uniformes dos Jogos Paralímpicos de Paris 2024

15 mai 2024 - 15h03
Compartilhar
Exibir comentários

De visual novo! O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e a ASICS realizaram o lançamento dos primeiros uniformes para os Jogos Paralímpicos de Paris 2024. O evento de lançamento aconteceu na segunda-feira (13), no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. O desfile contou com a presença de 11 atletas paralímpicos, entre os quais campeões nos Jogos de Tóquio 2020, como a halterofilista Mariana D'Andrea e o lutador de taekwondo Nathan Torquato.

CPB UNIFORMES1
CPB UNIFORMES1
Foto: Vinícius Rodrigues veste uma blusa amarela, enquanto Edwarda Dias está com um moletom azul | Ana Patrícia/ CPB / Olimpíada Todo Dia

A coleção foi desenvolvida em colaboração com os atletas paralímpicos, desde a fase inicial de design até os testes. O conjunto inclui jaqueta de pódio, moletom, camisetas, camisa polo, regata, bermuda, calça, legging, tênis, mochila, meia, manguito e boné. Além disso, pela primeira vez, os fãs do Movimento Paralímpico poderão comprar as peças iguais às utilizadas pelos esportistas. As informações sobre as vendas serão divulgadas em breve. 

Acessibilidade

Todas as peças contam com detalhes de acessibilidade como: mochilas com alça nos puxadores; calças com zíperes na lateral da parte inferior próximo ao tornozelo para facilitar atletas com prótese. Além disso, as etiquetas internas estão em braille, destacando as cores correspondentes e auxiliando na seleção das roupas. A presença da ASICS estará evidente nos conjuntos de toda a delegação, bem como no vestuário específico das modalidades de atletismo e vôlei sentado.

"Começamos este projeto dos uniformes com acessibilidade para as pessoas com deficiência lá em 2019, por conta própria, apenas para consumo interno e uso dos atletas durante as competições. A chegada da ASICS em 2023 agregou valor na nossa missão de incluir a pessoa com deficiência na sociedade por meio do esporte". 

É mais uma prova inconteste de que os resultados obtidos pelos nossos atletas nas canchas de todo o mundo chamaram a atenção no mercado. Isso induz diversos setores a mudanças significativas em prol da causa das pessoas com deficiência. Agora teremos a comercialização dos produtos e as pessoas com deficiência terão a oportunidade de trajar os uniformes dos maiores atletas paralímpicos do mundo: os brasileiros". Comentou Mizael Conrado, bicampeão paralímpico de futebol de cegos (Atenas 2004 e Pequim 2008) e presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro. 

Além de Mariana e Nathan, outros nove atletas desfilaram na noite desta segunda-feira. São eles: Vinícius Rodrigues (atletismo), Leonardo Mello (atletismo), Marco Aurélio (atletismo), Danielle Longhini (goalball), Lucas Mozela (natação), Cátia Oliveira (tênis de mesa), Edwarda Oliveira Dias (vôlei sentado), Bruna Nascimento (vôlei sentado) e, por fim, Thales Martins (atletismo). Até agosto deste ano, o CPB ainda promoverá mais um evento para a divulgação de outras peças para os atletas no megaevento na capital francesa. 

Brasil em Paris

O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) tem a expectativa de convocar cerca de 250 atletas para os Jogos de Paris. A delegação brasileira, até o momento, assegurou a participação de 160 esportistas. As modalidades garantidas são: atletismo, natação, vôlei sentado (masculino e feminino), goalball (masculino e feminino), futebol de cegos, ciclismo, hipismo, canoagem, remo, taekwondo, tiro esportivo, tiro com arco, bocha e tênis de mesa. Além disso, estão a confirmar ainda o número de atletas sem deficiência, como goleiros, atletas-guia, calheiros, pilotos e timoneiros. Por fim, a convocação final deverá acontecer em três partes até julho.

+ SIGA O OTD NO , TWITTER, ,  E FACEBOOK

Olimpíada Todo Dia
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade