0

Coxa empata com Operário, mas vai à semifinal do 1º turno do Paranaense

10 fev 2019
19h06
atualizado às 19h29
  • separator
  • comentários

O Coritiba está na semifinal da Taça Barcímio Sicupira Júnior, o primeiro turno do Campeonato Paranaense. Neste domingo, o time comandado pelo técnico Argel Fucks visitou o Operário no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa, e acabou saindo de campo com o empate em 2 a 2, resultado suficiente para garanti-lo na próxima fase. Os gols dos visitantes foram marcados por Rodrigão e Sabino. Chicão e Schumacher marcaram para os donos da casa.

Agora, o Coxa terá pela frente na semifinal do primeiro turno do Campeonato Paranense o Cascavel, uma vez que o time do interior do estado terminou a fase de grupos na primeira colocação do Grupo B, enquanto o Coritiba ficou com o segundo lugar da mesma chave.

O jogo - O Coritiba começou a partida mais ligado e não demorou muito para abrir o placar. Logo aos dez minutos de jogo, Iago Dias recebeu pelo lado esquerdo, fez boa jogada individual e levou para a linha de fundo, fazendo o cruzamento para a área. A defesa do Operário chegou a desviar, mas a bola sobrou limpa nos pés de Rodrigão, que precisou apenas completar para o fundo das redes.

Jogando em casa, o Operário só foi responder na parte final do primeiro tempo, mais precisamente aos 35 minutos, quando chegou ao empate. Em boa trama pela esquerda, Allan Vieira chegou na linha de fundo e deu passe açucarado para Chicão, que chegava por trás, sozinho, e bateu de primeira, mandando no ângulo do goleiro Wilson.

Não satisfeitos com a igualdade no marcador, os anfitriões ainda tiveram tempo para virar a partida antes de irem para o intervalo. Aos 51 minutos, Pedrinho deu passe por cobertura para Schumacher, que chegou antes que o goleiro na bola e também por cobertura balançou as redes no Germano Krüger.

Se o Coritiba não demorou para balançar as redes no primeiro tempo, na etapa complementar não foi diferente. Em desvantagem, os visitantes foram para cima do Operário e aos oito minutos tiveram o esforço recompensado. Após cobrança de falta de Giovanni, a bola travessou a área e bateu na trave. Porém, no rebote, Sabino estava no lugar certo para completar para o fundo das redes e deixar tudo igual novamente.

Nos minutos finais, o Coritiba ainda pressionou o Operário em busca da vitória. Pressionando a saída de bola dos donos da casa e apostando na presença de Rodrigão dentro da área, os comandados do técnico Argel Fucks bem que tentaram, mas acabaram tendo de se contentar com o empate em 2 a 2 em Ponta Grossa.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade