PUBLICIDADE
Logo do Corinthians

Corinthians

Favoritar Time

Luxa pede para torcida do Corinthians apoiar jogadores na semifinal da Sul-Americana: "Não precisa me abraçar"

23 set 2023 - 07h14
Compartilhar
Exibir comentários

O técnico Vanderlei Luxemburgo deixou um recado para a torcida do Corinthians após a vitória por 1 a 0 contra a equipe do Botafogo, nesta última sexta-feira. O treinador pediu para a Fiel apoiar os jogadores na semifinal da Copa Sul-Americana, mesmo que exista uma desconfiança em relação ao seu trabalho. Luxa disse que os torcedores não precisam abraçá-lo, e sim passar suporte aos atletas.

Foto: ( Rodrigo Coca/Corinthians) / Gazeta Esportiva

Questionado sobre a pressão que vem sofrendo, Luxemburgo disse que está tranquilo e acostumado com a situação. Por dois jogos seguidos, seu nome foi vaiado no anúncio da escalação do time, na Neo Química Arena.

"Estou muito feliz, tranquilo, sabia que ia ser um trabalho difícil. Não tenho problema de encarar esse trabalho, tem clubes que exigem muito do treinador, o Corinthians muito mais. Nada disso me assusta. Agora temos essa possibilidade de chegar a uma final de um torneio continental e esse torcedor do Corinthians abraça o time, não precisa me abraçar. Vai ser muito importante eles estarem aqui e abraçarem os jogadores, fazendo isso aqui um caldeirão, uma situação difícil para o adversário. Sentir esse calor humano, que vai para dentro do jogo. As vaias não me preocupam, faz parte do trabalho. É uma questão de sensibilidade, mas é difícil, não vou conquistar isso. É muito pautado no resultado. Gostaria que nosso trabalho fosse melhor, bem melhor, mas infelizmente não foi da forma que queria. Queria estar disputando a final da Copa do Brasil, na zona de Libertadores", iniciou Luxa em entrevista coletiva.

"Mas quando cheguei, se eu perguntasse o que você (repórter) queria, você ia falar que não quer ir para a segunda divisão. Mas como chegamos na semifinal da Copa do Brasil, você falaria que quer ir para a final, mesma coisa agora. Mas quem acreditava que a gente chegaria a uma semifinal de Copa do Brasil? Até porque contra o Atlético-MG ninguém acreditou na nossa virada, e nós viramos. É trabalho. Ele está sendo feito. Agora é a torcida entender que é fundamental eles estarem com a gente, mas não precisa me abraçar", complementou o treinador.

Apesar da insatisfação das arquibancadas, a diretoria do Corinthians não pensa em sacar Luxemburgo do comando da equipe. A ideia é manter o técnico até o final da temporada, quando acaba seu contrato com o clube.

Para 2024, porém, a tendência é que Luxa não siga no Timão. Tanto André Negão, candidato à presidência da Situação, e Augusto Melo, da Oposição, possuem outros planos em relação ao comando da equipe.

Nesta terceira passagem pelo clube, Luxemburgo possui 37 jogos, com 14 vitórias, 11 empates e 12 derrotas. A vitória diante do Botafogo foi fundamental para o Timão, já que a equipe se distanciou da zona de rebaixamento.

Agora, o Corinthians volta a entrar em campo na próxima terça-feira, novamente na Neo Química Arena, para enfrentar o Fortaleza, pela semifinal da Copa Sul-Americana.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Publicidade