0

Cássio não promete fidelidade eterna ao Corinthians, mas nega propostas

21 ago 2019
16h00
atualizado às 16h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Cássio chegou ao Corinthians em 2012 e já é um dos maiores ídolos da história do Clube. Líder, multicampeão, decisivo e respeitado. Esse é o goleiro de 32 anos, que tem planos para o futuro, mas evita fazer previsões. O cuidado para não estragar todos os feitos com uma atitude que incomode o torcedor é grande.

"Que eu saiba não tenho nenhuma proposta. Converso uma, duas vezes por semana com meu empresário ele não me passou nada sobre isso. Jogador nunca sabe, não adianta eu falar que vou ser eterno aqui e se saio vão falar 'mercenário'. Continuo aqui, me sinto em casa, feliz, com tudo, com todas as pessoas, muito contente", afirmou, em entrevista coletiva nessa quarta-feira.

Cássio é o jogador que mais venceu títulos no Corinthians (Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

"Não sei se vou ficar, uma das minhas metas é bater recordes aqui no Corinthians, óbvio que quero bater o recorde do Ronaldo no número de jogos. Quero viver cada dia, e não penso o que pode acontecer aqui no futuro", completou o arqueiro, que tem contrato até o fim de 2022 com o clube do Parque São Jorge.

Com 426 jogos pelo Timão, Cássio tem um longo caminho para alcançar Ronaldo, dono de 602 atuações pelo alvinegro. No último sábado, inclusive, essa distância não diminuiu em função da suspensão que Cássio teve de cumprir. Momento aproveitado pelo jogador para dar andamento a um tratamento dentário.

"Aproveitei e tirei os quatro dentes do siso. Geralmente não temos tempo, coloquei um aparelho, estou fazendo um tratamento, uma coisa nova, e quando eu era mais novo eu não tinha condição financeira para fazer isso. Tudo programado, conversado com o Fábio. Não programei tomar o cartão, mas é aproveitar, curtir a família, e no sábado eu estava lá para curtir o jogo", contou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade