PUBLICIDADE

Blake Griffin foi avisado por jogador do Celtics para não fechar com a equipe

Griffin optou pelo Brooklyn Nets, após ser dispensado pelo Detroit Pistons

20 jun 2021 07h02
ver comentários
Publicidade

As coisas não parecem boas pelos lados do Boston Celtics. De acordo com o jornalista Jared Weiss, do site The Athletic, o veterano Blake Griffin, assim que foi dispensado pelo Detroit Pistons, foi avisado por um jogador do Celtics para não fechar com a equipe de Massachusetts.

Blake Griffin x Giannis Antetokounmpo
Blake Griffin x Giannis Antetokounmpo
Foto: Tim Nwachukwu / AFP / Jumper Brasil

Griffin estava sem time e buscava acerto até o fim da temporada. Então, ele perguntou a este atleta do Celtics se seria uma boa ideia atuar por lá, mas ele teria informado que a equipe tinha graves problemas dentro dos vestiários. Griffin optou pelo Brooklyn Nets.

Desde a eliminação para o próprio Nets na primeira rodada dos playoffs, o Celtics passou por grandes mudanças dentro e fora de quadra. Primeiro, Danny Ainge deixou o cargo de gerente geral. Ao mesmo tempo, Brad Stevens saiu da posição de treinador para assumir a antiga função de Ainge. Na última semana, o Celtics realizou uma troca envolvendo o armador Kemba Walker com o Oklahoma City Thunder, por Al Horford e Moses Brown. Escolhas de draft foram incluídas.

Um dos problemas de vestiário, citados por Weiss, seria justamente entre Stevens e Walker. O, agora, ex-treinador, seria mais "duro" com Walker em treinamentos do que com qualquer outro grande nome da equipe, como Jayson Tatum e Jaylen Brown.

Finalista do Leste na temporada 2019-20, o Celtics negociou o ala Gordon Hayward para o Charlotte Hornets na última offseason. Entretanto, o time tinha proposta para negociação por Myles Turner e TJ Warren, mas Ainge queria Victor Oladipo. No fim, o Celtics recebeu uma trade exception, que resultou no francês Evan Fournier, ex-Orlando Magic.

A nova diretoria do Celtics ainda está em busca de um novo treinador. Vários nomes foram especulados nos últimos dias, incluindo Mike D'Antoni e Chauncey Billups. Os assistentes Darvin Ham, e Charles Lee (Milwaukee Bucks), Jamahl Mosley (Dallas Mavericks) e Ime Udoka (Brooklyn Nets), também foram procurados por Stevens, além de Jason Kidd e o ex-técnico do Atlanta Hawks Lloyd Pierce.

Seis vezes All Star, Griffin passou os oito primeiros anos da carreira no Los Angeles Clippers e foi trocado para o Pistons em 2018. Após acordo, ele foi dispensado e acertou com o Nets até o fim de 2020-21. Em 668 partidas disputadas, ele possui médias de 20.9 pontos, 8.6 rebotes, 4.3 assistências, além de um aproveitamento de 49.5% nos arremessos.

Jumper Brasil
Publicidade
Publicidade