PUBLICIDADE

Emerson Fittipaldi presta homenagem ao irmão Wilsinho, morto aos 80 anos: 'Estará sempre presente'

Bicampeão de Fórmula 1 comenta assunto pela primeira vez em publicação nas redes sociais

25 fev 2024 - 17h50
(atualizado em 26/2/2024 às 08h21)
Compartilhar
Exibir comentários
Wilsinho e Emerson Fittipaldi.
Wilsinho e Emerson Fittipaldi.
Foto: Reprodução/Instagram @emersonfittipaldioficial / Estadão

O bicampeão mundial de Fórmula 1, Emerson Fittipaldi, prestou uma homenagem ao seu irmão mais velho, Wilson Fittipaldi Jr, conhecido como Wilsinho, que morreu na sexta-feira, dia 23, aos 80 anos, devido a complicações de uma parada cardíaca sofrida no Natal do último ano. Em uma publicação no Instagram, Emerson compartilhou fotos dos dois juntos: "Estará sempre presente".

"Eu e meu irmão crescemos juntos dentro desse esporte fantástico que nosso pai passou a paixão para nós. Lutamos, construímos e passamos por grandes desafios. Eu amava muito o guerreiro que foi o Wilson, um visionário que nos ensinou muito a superar todos os obstáculos. Tenho certeza que ele foi descansar com Deus no céu e nos olha com orgulho lá de cima", lembrou na legenda. "Muita emoção na última volta em Interlagos, uma homenagem realizada no último sábado. Obrigado a todos que estão nos apoiando em nome da Família Fittipaldi", expressou sua gratidão.

O corpo do pioneiro do automobilismo brasileiro foi velado na manhã de sábado e homenageado com uma volta na pista do autódromo, localizado na Zona Sul da capital paulista.

Wilsinho e Emerson Fittipaldi fundaram a primeira escuderia brasileira na Fórmula 1.
Wilsinho e Emerson Fittipaldi fundaram a primeira escuderia brasileira na Fórmula 1.
Foto: Reprodução/Instagram @emersonfittipaldioficial / Estadão

Veículos icônicos que deixaram sua marca na jornada de Wilsinho foram exibidos no autódromo. Um destaque ficou com um Copersucar-Fittipaldi restaurado, o modelo utilizado pela pioneira e única equipe brasileira na F-1, fundada pelos irmãos em 1975.

Wilson Fittipaldi Jr. competiu em três temporadas da Fórmula 1 (1972, 1973 e 1975), participando de um total de 38 Grandes Prêmios. "Descanse em paz, meu irmão, você estará sempre presente conosco. Deus abençoe", finalizou Emerson Fittipaldi em sua mensagem ao irmão.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Publicidade