Presidente da CCJ defende Estados na reforma com lei ordinária

Para Simone Tebet (MDB-MS), deixar que governadores e prefeitos façam mudanças na Previdência por lei ordinária tem mais chance de aprovar do que inclusão automática

Estadão Conteúdo Estadão Conteúdo
Publicidade

Vídeos relacionados

Recomendado para você

Publicidade