9 eventos ao vivo

Vou perder meu medo de falar em público?

Um dos sinais que melhor indicam a necessidade de aprimorar a nossa oratória é quando sentimos medo de falar em público, sabiam?

13 jun 2018
06h00
  • separator
  • comentários

Olá, Speakers! Como vocês estão?

Um dos sinais que melhor indicam a necessidade de aprimorar a nossa oratória é quando sentimos medo de falar em público, sabiam?

Isso acontece porque esse medo pode ser o resultado de experiências ruins em apresentações anteriores, quando ainda não estávamos bem preparados.

Aqui na The Speaker, cotidianamente lidamos com o medo de falar em público que muitos dos nossos clientes sentiam. Inclusive, uma das primeiras dúvidas que chegam até nós é: vou perder meu medo de falar em público?

Foto: Shutterstock

Essa dúvida também pode ser a sua. Por isso, resolvi falar sobre esse assunto tão importante no nosso texto de hoje. Vamos lá?!

É possível perder o medo de falar em público?

Sim. Ao longo da minha trajetória aqui na The Speaker, já ministrei mais de 1200 cursos de oratória e um dos ensinamentos que obtive é justamente esse: é, sim, possível perder o medo de falar em público e o caminho para isso é a informação e a prática.

O medo de falar em público funciona numa espécie de ciclo: uma pessoa que não está preparada para se apresentar em público faz uma exposição oral ruim e, após essa exposição, sente-se frustrada. Disso, nasce uma emoção negativa, que é registrada pelo cérebro desse comunicador.

Sendo assim, sempre que a pessoa pensar em se apresentar em público de novo, inconscientemente voltará a essa emoção negativa, aumentando, dessa forma, o medo de falar em público. Em outras palavras, ao passar por uma experiência ruim, o cérebro associa as apresentações em público a algo negativo, o que gera ansiedade e nervosismo sempre que houver a necessidade de encarar uma plateia.

Esse ciclo (que faz parte da vida de muita gente, acreditem!) vai piorando com o passar do tempo, de modo que o comunicador se sente tão nervoso antes de uma apresentação que pode ter sintomas físicos, como suor excessivo, tremores, tonturas, indisposições estomacais, entre outras.

Interromper esse ciclo o quanto antes é a melhor forma de superar o medo de falar em público. Para isso, não outra forma senão a dedicação.

Como perder o medo de falar em público?

Para entender esse tópico, é preciso ter em mente que o medo de falar em público é, na verdade, despreparo. Aqui no Brasil, as escolas e as universidades ainda não dão a devida importância à oratória e as pessoas acabam se formando sem nenhuma base.

Quando chegam ao mercado de trabalho, as exigências aumentam e o universo corporativo exige essas habilidades. Para ascenderem em nossas profissões, precisamos saber como agir em situações que envolvem exposição de fala, seja em apresentações em público, reuniões com clientes, colegas ou conferências.

Uma boa forma de compreender o que é o medo de falar em público é compará-lo ao medo de dirigir. Uma pessoa que não recebeu as instruções necessárias sobre como dirigir um automóvel provavelmente sentirá muito medo ao sair de casa com seu carro, certo? Basta lembrarem de suas primeiras aulas práticas na autoescola, que vocês vão me entender.

Com o tempo – e a orientação dos profissionais capacitados –, o aluno da autoescola acaba adquirindo as habilidades para dirigir e, dessa forma, a confiança vai expulsando o medo, fazendo com que dirigir seja algo normal no seu dia a dia.

Quando se trata de falar em público, o raciocínio é o mesmo. Uma pessoa que nunca recebeu as orientações necessárias sobre as técnicas de oratória dificilmente se sentirá confiante em frente à plateia. Ao contrário, quando esse comunicador já passou por um processo de capacitação, situações que envolvem exposição de fala passam a ser comuns no seu cotidiano, sem despertarem medo ou nervosismo excessivo.

Os cursos de oratória podem me ajudar a perder o medo de falar em público?

O medo de falar em público ou de qualquer situação que envolva exposição de fala prejudica a vida de muitas pessoas, especialmente no âmbito profissional, já que as habilidades de comunicação são exigidas desde as entrevistas de emprego até quando já ocupamos cargos mais altos.

Superar esse medo faz parte do processo de aprimoramento da própria comunicação e os cursos de oratória são, sim, ótimas ferramentas para isso. Um bom curso de oratória é aquele que prepara o comunicador em todos os sentidos, inclusive, para lidar com seu próprio nervosismo.

Como vimos, ao nos sentirmos mais preparados, aumentamos consideravelmente a nossa autoconfiança e tendemos a deixar para traz todas as memórias negativas que, antes, associávamos às apresentações em público. Com isso, aos poucos, o medo de situações que envolvam exposição de fala é superado.

Perder o medo de falar em público está nas suas mãos!

Fonte:

www.thespeaker.com.br

The Speaker

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade