0

Oratória: como facilitar o diálogo entre advogado e cliente

8 mai 2019
08h00
  • separator
  • comentários

Speaker! Tudo bem? Se você chegou até aqui é porque provavelmente trabalha na área jurídica e deseja aprimorar a maneira como se comunica com clientes e colegas, estou certa?

Quando pensamos em profissões que dependem diretamente de uma boa oratória, profissionais do Direito costumam ser alguns dos primeiros que nos vêm à mente. Inclusive, por muito tempo, a tão famosa “arte de falar em público” esteve diretamente relacionada à advocacia.

Por outro lado, para muitas pessoas, a linguagem jurídica pode ser bastante complicada. O chamado “juridiquês”, como se diz por aí, acaba sendo inacessível para muitos, especialmente para quem não é do mesmo setor.  

Pensando nisso, um dos desafios de quem atua nessa profissão é, justamente, conseguir dialogar com clientes, impulsionando a comunicação para além dos tribunais. Para que isso aconteça, a oratória é uma aliada. Mas como ela ajuda a melhorar o diálogo entre advogados e clientes? É o que veremos neste artigo. Confira!

Falar com objetividade e clareza

Muitas vezes, o diálogo com clientes envolve abordar temas delicados, que geram ansiedade especialmente em quem não conhece tão bem as etapas de um processo jurídico, por exemplo.

Por essas e outras razões, é muito importante conseguir ser claro e objetivo ao conversar com um cliente. Caso contrário, ao invés de simplificar, o profissional acaba complicando ainda mais algo que nem era assim tão complexo.

Na verdade, para ser um bom comunicador, é preciso ser objetivo, seja qual for a profissão. Hoje em dia, as pessoas esperam agilidade e assertividade na hora de receber informações. Na relação entre advogado e cliente, isso não é diferente.

Quando começamos a aprimorar nossas habilidades de oratória, conseguimos organizar melhor o raciocínio, evitando, com isso, ressaltar dados desnecessários, mantendo o foco no problema central. Para os advogados, essas são ações essenciais no dia a dia.

Conseguir se comunicar sem usar tantos termos técnicos

Além de prezar pela clareza e objetividade na hora de falar com clientes e colegas, é importante, para os profissionais da área jurídica, conseguir se comunicar sem o uso excessivo de expressões de nicho, que não têm tanto sentido para quem não é da área.

O uso de termos técnicos é constantemente confundido com “falar bonito”. No entanto, já se sabe, hoje, que falar com beleza é conseguir que o outro entenda o que dizemos e que um diálogo proveitoso possa ser gerado a partir disso.

E, com os advogados, a regra é a mesma. Na área do Direito especificamente, falar bonito significa usar muitos termos técnicos para mostrar um ponto de vista ou defender uma ideia. Mas, ao usar excessivamente termos técnicos, se dificulta o entendimento da mensagem que queremos transmitir, o que pode dificultar e até prejudicar a execução dos projetos.

A oratória ajuda a conseguir falar com clientes de maneira profissional, mas de uma forma acessível, que dosa a recorrência de termos técnicos e auxilia no ritmo de fala, tornando-a muito mais interessante e eficiente.

Saber apresentar a própria marca

Além dos desafios com quem já é cliente, existem outros no diálogo com clientes em potencial. O primeiro contato com alguém é de suma importância para que se concretize uma parceria profissional. Na área do Direito, onde a competitividade costuma ser alta, esse aspecto é ainda mais importante.  

Tanto para quem pertence a uma instituição quanto para quem tem escritório próprio é indiscutível a importância de criar uma apresentação atraente para a marca, especialmente nesse primeiro contato.

O que a oratória faz em relação a isso? Ao aprimorar as habilidades de oratória, fica mais fácil falar de si mesmo e da marca que representamos. Conseguindo, com isso, ser persuasivo na hora de fechar novos contratos ou mesmo de fidelizar aqueles com quem já é cliente.

Desenvolver nossa capacidade de comunicar com as pessoas ao nosso redor é uma forma de evoluir como profissional, estando à altura das exigências do mercado e prezando sempre por ser melhor a cada dia. Pense nisso!

Dúvidas? Fale com a nossa equipe de especialistas em Comunicação e Oratória!

 

Fonte:

www.thespeaker.com.br

The Speaker
  • separator
  • comentários
publicidade