PUBLICIDADE
AO VIVO
Terraiá ao vivo: assista ao show do Forró da Gota direto de Salvador

Economia do Japão tem contração no 1º tri e afeta planos de aumento dos juros pelo BC

16 mai 2024 - 07h33
Compartilhar
Exibir comentários

A economia do Japão contraiu mais rápido do que o esperado no primeiro trimestre uma vez que o iene fraco continuou a afetar os consumidores, lançando um novo desafio à perspectiva do banco central para que a taxa de juros se afaste ainda mais do nível próximo de zero.

Os dados preliminares do Produto Interno Bruto (PIB) do Escritório do Gabinete, divulgados nesta quinta-feira, mostraram que a economia do Japão encolheu 2,0% em termos anualizados nos primeiros três meses do ano em relação ao trimestre anterior, contra expectativa de queda de 1,5% em uma pesquisa da Reuters com economistas.

Dados revisados para baixo mostraram que o PIB quase não cresceu no quarto trimestre de 2023, devido ao rebaixamento das estimativas de gastos de capital.

Embora os dados preliminares de gastos de capital estejam frequentemente sujeitos a revisões pesadas na divulgação final, as quedas gerais em todos os componentes do PIB sugerem que a economia do Japão não teve um grande motor de crescimento no primeiro trimestre.

Isso pode criar alguma hesitação para o Banco do Japão, que aumentou as taxas de juros em março pela primeira vez desde 2007 e, desde então, sinalizou sua intenção de continuar a apertar a política monetária.

"É possível que o cronograma de aumento das taxas seja adiado, dependendo de como o PIB possa se recuperar no trimestre atual", disse Yoshimasa Maruyama, economista-chefe de mercado da SMBC Nikko Securities.

Ele disse que, embora a economia certamente se recupere no trimestre atual devido ao aumento dos salários, a incerteza permanece em torno do consumo no setor de serviços.

A leitura mais recente do PIB se traduz em uma contração trimestral de 0,5%, contra um declínio de 0,4% esperado pelos economistas. Os números revisados do primeiro trimestre serão divulgados em 10 de junho.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade