PUBLICIDADE

Ações da China fecham em baixa com sentimento fraco; mercado de Hong Kong sobe

2 abr 2024 - 07h36
Compartilhar
Exibir comentários

As ações chinesas encerraram em leve baixa nesta terça-feira, com o sentimento fraco dividido entre o otimismo em relação à melhoria dos dados da atividade industrial e as expectativas de mais medidas de estímulo.

A Xiaomi ficou sob os holofotes, com suas ações saltando até 16% depois que o veículo elétrico esportivo da fabricante de eletrônicos lançado na semana passada atraiu grande interesse.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, fechou com queda de 0,42%, enquanto o índice de Xangai caiu 0,08%. O índice Hang Seng, de Hong Kong, avançou subiu 2,36%. 

O subíndice do setor financeiro do CSI300 caiu 0,34%, o setor de bens de consumo básicos teve queda de 0,65%, o índice imobiliário recuou 3,48% e o subíndice do setor de saúde teve perda de 1,28%.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,09%, a 39.838 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 2,36%, a 16.931 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,08%, a 3.074 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,42%, a 3.580 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,19%, a 2.753 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 1,21%, a 20.466 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,40%, a 3.247 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,11%, a 7.887 pontos.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade