PUBLICIDADE

Renascer | Globo monitora história de Buba para evitar gatilhos

No folhetim de Bruno Luperi, a personagem é diferente da primeira versão e retratada como uma mulher trans de forma mais natural e humana

26 fev 2024 - 07h38
(atualizado às 15h21)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Divulgação/Globo / Pipoca Moderna

O autor Bruno Luperi está determinado a evitar gatilhos indesejados em "Renascer", tanto é que as cenas envolvendo a Buba (Gabriela Medeiros), uma personagem trans que se apaixona por um dos filhos de José Inocêncio (Marcos Palmeira), estão sofrendo alterações relevantes no folhetim da Globo.

A proposta da equipe de colaboradores e pesquisadores é que Buba seja retratada de forma natural para evitar despertar más reações em pessoas transexuais e barulho negativo nas redes sociais. Aparentemente, existe uma "espécie de operação especial para passar pente fino nas cenas" e evitar a exibição de algo problemático.

"A Buba ser uma pessoa intersexo na primeira versão foi um assunto muito bem estabelecido, muito bem colocado e que trouxe muitos avanços. A necessidade de uma nova leitura sobre aquilo, diante do cenário de hoje, na minha concepção, se mostrou importante. A ideia não é tirar uma questão, mas sim adicionar novas camadas e trazer o assunto da diversidade, o assunto de gênero sob uma nova perspectiva que permita que mais discussões sejam feitas", declarou Luperi no lançamento de "Renascer".

Desta forma, o cuidado da emissora ajuda o público do folhetim das nove a se familiarizar com a situação, mostrando que pessoas trans estão ganhando cada vez mais espaço na TV brasileira, como em "A Força do Querer" (2017), "O Sétimo Guardião" (2018), "A Dona do Pedaço" (2019), "Quanto Mais Vida, Melhor" (2021) e "Elas Por Elas".

"Ter sensibilidade é imprescindível para a dramaturgia. Quando você abriu a porta da sua casa pra gente entrar com uma história, eu tenho que deixar algo bonito quando for embora, acho que é uma questão quase moral. Esse é um compromisso que a gente faz de que a novela tenha um olhar de sensibilidade, que a novela traga a luz em temas que são importantes para o nosso tempo", acrescentou o autor.

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Compartilhar
Publicidade
Publicidade