PUBLICIDADE

Atriz sofreu trauma com dieta da sopa indicada na Globo

Manuela do Monte revela que tentativa de ficar magra ao protagonizar ‘Malhação’ abalou a saúde física e o emocional

26 jan 2022 09h27
| atualizado às 09h31
ver comentários
Publicidade
Manuela do Monte na novela ‘Amor Sem Igual’
Manuela do Monte na novela ‘Amor Sem Igual’
Foto: Reprodução/TV

Em seu canal no YouTube, o ator, apresentador e ativista da sustentabilidade Sergio Marone conversou com a atriz Manuela do Monte, estrela da décima temporada de ‘Malhação’, em 2003. Naquela produção, os dois formaram o casal romântico Victor e Luísa.

“Você na época estava enfrentando um problema com a balança. Lembro da pressão grande”, comentou o artista. “Foi um trauma. Hoje, eu sou muito feliz por ter sido protagonista de um seriado chamado ‘Malhação’ e que não estava no padrão (de magreza).”

Manuela relatou o estímulo recebido na Globo para perder peso. “Não é que eu era gorda, e se fosse não tem porque isso ser um problema, mas aí me orientaram a fazer uma puta dieta da sopa”, contou. A atriz acatou a sugestão e logo sentiu os efeitos negativos da tentativa forçada de emagrecer para ter silhueta mais fina na TV.

“Depois dessa dieta, aí eu tive problema com a balança. Fiquei quatro meses sem menstruar. Eu inchei, foi uma cagada”, disse. “Desorganizou todo o seu corpo”, observou Marone. “Eu olhava as cenas e chorava. Ninguém sabe disso. Eu não me reconhecia, era um inchaço diferente, estava desregulada”, revela a atriz.

Ao fim daquele período tenso de restrição alimentar equivocada, Manuela conseguiu reequilibrar a saúde. “Acabando ‘Malhação’, no primeiro mês eu emagreci 5 quilos”, rememora. A artista refletiu a respeito do quanto sofreu. “Eu fui muito idiota, com 18 anos, tendo a oportunidade de fazer um trabalho como esse, eu jamais deveria ter feito (a dieta, sem acompanhamento de especialistas).”

Manuela e Marone como casal em ‘Malhação’
Manuela e Marone como casal em ‘Malhação’
Foto: Reprodução/Instagram

Várias outras mulheres da TV já sofreram problemas físicos e mentais por conta da cobrança por uma imagem perfeita. Deborah Secco e Cristiana Oliveira, por exemplo, penaram com o nocivo efeito sanfona. Em anos recentes, o movimento ‘body positive’, de autoaceitação e respeito social pelo corpo fora do padrão idealizado, tem libertado famosas e anônimas dessa escravidão estética.

Hoje, aos 37 anos, Manuela do Monte está em paz com a balança e o espelho. “Não sou a pessoa mais empoderada do mundo, mas já entendo que o caminho é esse. Você é esse corpo que você habita, que maravilha, a quantos lugares ele já me levou. Que feliz eu sou. Cada um é o que é.”

De férias da TV desde o fim da novela ‘Amor Sem Igual’, da Record TV, a atriz gaúcha se dedica à divulgação de um longa, ‘Eu, Nirvana’, no qual interpreta uma paciente de câncer, e será vista em breve no papel de uma cigana na série ‘Condor’, na TV Cultura.

Alerta do blog: o processo de eliminação de peso deve ser orientado e acompanhado por um profissional da área, como nutrólogo e nutricionista. Dietas milagrosas podem causar sério risco à saúde.
 

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
Publicidade
Publicidade