PUBLICIDADE

Brasileiros não perdoam filme por confusão com Argentina

Um detalhe que chama atenção é que a maioria do público gostou da produção da Netflix apesar da gafe

15 nov 2021 22h27
| atualizado em 16/11/2021 às 07h50
ver comentários
Publicidade
Foto: Divulgação/Netflix / Pipoca Moderna

Uma gafe da produção de Alerta Vermelho, lançado na sexta-feira passada em streaming, irritou os assinantes brasileiros da Netflix, que não esconderam a insatisfação nas redes sociais. Em determinado momento do filme, os protagonistas descobrem a localização de um objeto desejado, com coordenadas que se materializam num mapa, apontando o local em alguma região no Sul do Brasil. Segundos depois, eles chegam à conclusão de que o local fica na Argentina.

Eles não só viajam para a Argentina localizada no Brasil como encontram no Sul do país uma floresta tropical ao estilo da Amazônica.

"Em 'Alerta Vermelho', eu descobri que a Argentina fica na divisa de SC e PR. Netflix Brasil, obrigado pelos ensinamentos", ironizou um usuário. Mas ninguém lembrou de sugerir a Bolsonaro usar o filme como prova de que é mentira que ele está destruindo a Floresta Amazônica. Ao contrário, sob seu governo, ela chegou à região Sul.

Um detalhe que chama atenção é que a maioria do público gostou do filme apesar da gafe - e de ele ter apenas 36% de aprovação da crítica no Rotten Tomatoes.

No fim de semana, os astros Ryan Reynolds, Gal Gadot e Dwayne 'The Rock' Johnson foram às redes sociais comemorar a informação da Netflix de que Alerta Vermelho teve a melhor estreia de um filme original da história da plataforma.

Escrita e dirigida por Rawson Marshall Thurber, a produção é uma mescla de ação e comédia, com muitas explosões, pancadaria e piadinhas, ao mostrar "o melhor investigador do FBI" (Johnson) alistando "o segundo ladrão de arte mais procurado do mundo" (Reynolds) para prender "a ladra de arte mais procurada do mundo" (Gadot).

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Publicidade
Publicidade