PUBLICIDADE

Lee Aaker (1943-2021)

14 abr 2021
17h07 atualizado às 17h21
0comentários
17h07 atualizado às 17h21
Publicidade
Foto: Divulgação/ABC / Pipoca Moderna

O ator Lee Aaker, que ficou conhecido como a estrela mirim de "As Aventuras de Rin-Tin-Tin", morreu aos 77 anos. A notícia é ainda triste pela forma como aconteceu. Segundo postagem do ex-ator infantil e ativista Paul Petersen, Aaker "faleceu no Arizona em 1º de abril, sozinho e não reclamado, listado como 'indigente'".

Aaker tinha 11 anos quando "As Aventuras de Rin-Tin-Tin" estreou em 1954 na rede americana ABC. Na série original de faroeste, ele interpretava Rusty, um menino órfão resgatado de um ataque indígena, que era criado no Forte Apache. O "cabo" honorário Rusty era o protagonista da série, ao lado do tenente Ripley "Rip" Masters (James E. Brown) e, é claro, o cachorro Rin Tin Tin, interpretado por vários pastores alemães.

A série foi um fenômeno de audiência que ultrapassou as cinco temporadas produzidas até 1959, sendo repetida à exaustão nos anos seguintes, num ciclo encerrado apenas na década de 1990. Sua produção teve enorme impacto no público infantil, que sonhava em viver as aventuras do menino no Velho Oeste, o que transformou o brinquedo "Forte Apache" num dos mais populares entre as crianças por pelo menos três décadas - era vendido no Brasil pela Estrela.

Lee Aaker já atuava antes de "Rin-Tin-Tin". Aos 8 anos, fez figurações em clássicos do cinema como "O Maior Espetáculo da Terra" (1952) e "Matar ou Morrer" (1952), e teve seu primeiro papel de coadjuvante ao lado da lendária Barbara Stanwyck no thriller noir "Vida Contra Vida" (1953), do diretor John Sturges. No mesmo ano, ele coestrelou cinco outros filmes, incluindo "Caminhos Ásperos" (Hondo), ao lado de John Wayne.

Mas foi "Rin-Tin-Tin" que o transformou em astro. Entretanto, ficou tão identificado como o cabo Rusty que teve dificuldades em seguir carreira como adolescente e adulto.

No início dos anos 1960, Aaker ainda apareceu em episódios de "The Donna Reed Show", "Rota 66" e "Abertura Disneylândia", mas os papéis acabaram rapidamente. Seus últimos trabalhos foram em 1963, pequenas participações na comédia musical "Adeus, Amor", com Ann-Margret, e num episódio de "The Lucy Show", sitcom de Lucille Ball. Ele tinha 20 anos.

Ao sair das telas, Aaker entrou na Força Aérea dos EUA, e Paul Petersen indicou nas redes sociais que estava lutando para dar-lhe um enterro adequado, que o ator teria direito por seu tempo de serviço militar.

Relembre abaixo a abertura da série clássica "As Aventuras de Rin-Tin-Tin".

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Publicidade
Publicidade