PUBLICIDADE

Boletim HFTV: revelações de Taylor Swift, nova acusação contra o Diddy e mais

Boletim HFTV na área com as últimas novidades - e polêmicas - do mundo pop!

6 dez 2023 - 17h37
Compartilhar
Exibir comentários
Boletim HFTV: revelações de Taylor Swift, nova acusação contra o Diddy e mais
Boletim HFTV: revelações de Taylor Swift, nova acusação contra o Diddy e mais
Foto: Getty Images / Hollywood Forever TV

Boletim HFTV na área com as últimas novidades — e polêmicas — do mundinho pop! Começando com as novas revelações de Taylor Swift. Eleita a Personalidade do Ano pela revista TIME nesta quarta-feira (6), a cantora deu uma entrevista reveladora para o veículo, abordando assuntos como a venda de seus masters, o infame telefonema com Kanye West e seu relacionamento com Travis Kelce.

Sobre a venda das músicas, Swift desabafou: "Com a coisa do Scooter [Braun], meus masters estavam sendo vendidos para alguém que os queria ativamente por motivos nefastos, na minha opinião", disse ela. "Fiquei tão chocada com a venda da minha música e para quem ela foi vendida. Eu estava tipo: 'Oh, eles me venceram agora. É isso. Não sei o que fazer'".

Taylor continuou dizendo que Kelly Clarkson e seu pai, Scott, a incentivaram a regravar suas canções. "Eu encontrava Kelly Clarkson e ela dizia: 'Basta refazer'", disse. "Meu pai ficava dizendo isso para mim também. Eu olhava para eles e pensava: 'Como posso fazer isso?' Ninguém quer refazer o dever de casa se, no caminho para a escola, o vento levar embora o relatório do seu livro." Swift, que seguiu os conselhos e regravou versões sutilmente diferentes de seus álbuns antigos, marcando-os como "(Taylor's Version)", concluiu: "Tudo depende de como você lida com a perda. Eu respondo à dor extrema com desafio."

Falando da polêmica com o rapper Kanye West e sua ex-esposa, Kim Kardashian, Taylor revelou que após o telefonema de 2016 ela precisou mudar de país. "Você tem uma cena totalmente montada, em uma ligação gravada ilegalmente, que Kim Kardashian editou e depois divulgou para dizer a todos que eu era uma mentirosa", explicou.

Isso me levou psicologicamente a um lugar onde nunca estive antes. Me mudei para um país estrangeiro. Fiquei um ano sem sair de uma casa alugada. Eu tinha medo de receber ligações. Afastei a maioria das pessoas na minha vida porque não confiava mais em ninguém. Eu caí muito, muito forte".

Vivendo um relacionamento com Travis Kelce, Taylor também contou que ela e o jogador já eram um casal quando ela apareceu pela primeira vez no jogo dos Chiefs. "Tudo isso começou quando Travis, de maneira muito adorável, me mencionou em seu podcast, o que eu achei que foi corajoso pra caramba", afirmou.

"Começamos a sair logo depois disso. Então, na verdade, passamos um tempo significativo juntos sem que ninguém soubesse, pelo qual sou grata, porque nos conhecemos. Quando fui ao primeiro jogo, éramos um casal", disse Taylor. "Acho que algumas pessoas pensam que viram nosso primeiro encontro naquele jogo. Nunca seríamos psicóticos o suficiente para sair publicamente em um primeiro encontro".

"Quando você diz que um relacionamento é público, isso significa que vou vê-lo fazer o que ama, estamos aparecendo um para o outro, outras pessoas estão lá e não nos importamos", continuou. "O oposto disso é que você tem que fazer um esforço extremo para garantir que ninguém saiba que você está saindo com alguém. E estamos orgulhosos um do outro."

E falando em amor, segundo uma fonte da People, Kylie Jenner está "incrivelmente feliz" com Timothée Chalamet e até colocou um rótulo em seu romance, chamando-o de "namorado". Quanto ao ator, a fonte diz que ele está "maravilhado com tudo o que ela está realizando" e "acha especialmente que ela é uma mãe incrível".

"Ele apoia muito a carreira dela e ela a dele", continuou o contato. "Ambos tentam participar de eventos importantes um para o outro. Ele é muito bom para Kylie. Desde que ela começou a namorar ele, ela parece muito contente, relaxada e focada. A família dela o ama", acrescentou.

Agora vamos falar de cinema? Segundo informações do Wall Street Journal, Angelina Jolie está de contrato assinado para estrelar um terceiro filme de "Malévola", ainda sem previsão de estreia. Outro título que ganhou destaque recentemente foi o aguardado "Back to Black", cinebiografia de Amy Winehouse. Isso porque, uma nova imagem de Marisa Abela como a cantora britânica foi revelada e impressionou os fãs com a semelhança. Com direção de Sam Taylor-Johnson, a produção estreia no dia 12 de abril de 2024 nos cinemas britânicos. Já no Brasil, ainda não há data confirmada. 

Dá uma olhada:

E temos uma boa notícia para os fãs de Paul McCartney! A Disney anunciou na última terça-feira (5) que vai transmitir ao vivo o último show da turnê do cantor, a "Got Back", no Brasil. A apresentação, que será realizada no dia 16 de dezembro, no estádio do Maracanã, será exibida em tempo real pelos streamings Star+ e Disney+, às 21h15. 

Artista! Billie Eilish foi indicada na categoria de Melhor Atuação Coadjuvante em Nova Série Roteirizada por "Swarm", no Film Independent Spirit Awards. Essa é a primeira indicação da artista na carreira de atriz. 

Criada por Donald Glover e Janine Nabers, a produção se inspira em Beyoncé para narrar a obsessão de uma fã por uma diva pop. Na série, disponível no Prime Video, Billie interpreta Eva, uma jovem que convida a protagonista para participar de um "grupo de empoderamento feminino" - que, na verdade, é uma espécie de culto.

Finalizando o Boletim HFTV do dia com uma nova polêmica sobre Diddy. De acordo com documentos obtidos pelo TMZ, o rapper de 54 anos está envolvido em mais uma acusação de agressão sexual. A suposta vítima, que teve a identidade revelada, alega que foi estuprada em grupo pelo artista e seus amigos quando tinha 17 anos e ainda estava na escola.

Segundo as informações do site, a mulher relatou que teria sido convidada por Harve Pierre, produtor executivo e CEO da Bad Boy Entertainment, para ir a uma festa particular e conhecer Diddy. No local, ela teria sido instigada a usar drogas e beber álcool. Apesar de não se lembrar de detalhes daquela noite, ela afirma que foi levada para o banheiro por Diddy e estuprada pelo cantor, por Harve e por mais um homem.

No processo, ela também diz que só teve coragem para falar sobre o suposto crime após ouvir outras acusações contra o rapper, a de sua ex-esposa, Cassie, e outras duas de mulheres que também não quiseram se identificar. 

HFTV NAS REDES SOCIAIS 👇

YOUTUBE | INSTAGRAM | TWITTER

FACEBOOK | PODCAST | TIKTOK

Hollywood Forever TV
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade