PUBLICIDADE

Em teste na Campus, 4G se mostrou 53 vezes mais veloz que 3G

29 jan 2013 - 18h08
(atualizado às 18h17)
Compartilhar
Exibir comentários

A Vivo está testando na Campus Party a tecnologia de internet móvel do quarta geração, que oferece, em tese, uma velocidade de conexão 10 vezes maior que a 3G. Mas será mesmo? O Terra testou o 4G usando o Sistema de Medição de Tráfego de Última Milha (Simet), ferramenta de medição de velocidade de conexão fornecida pelo Centro de Estudos e Pesquisas em Tecnologias de Redes e Operações (Ceptro.br), e comparou essa velocidade com a tecnologia 3G.

Em teste da reportagem do Terra, velocidade de conexão 4G foi muito superior à da tecnologia 3G
Em teste da reportagem do Terra, velocidade de conexão 4G foi muito superior à da tecnologia 3G
Foto: Reprodução

No teste, a velocidade de download usando o modem 4G da Huawei fornecido pela Vivo alcançou uma velocidade média de 67 Mbit/s. A conexão de internet da Vivo na tecnologia 3G apontada pelo teste no mesmo sistema, com o uso de um modem da Huawei da reportagem do Terra, alcançou uma velocidade média de 1,25 Mbit/s. Isso significa que a tecnologia 4G alcançou uma velocidade de conexão 53 vezes maior que a de terceira geração.

A velocidade de conexão à internet da Campus Party, como comparação, mostrou no teste que oferece aos participantes uma velocidade média impressionante de 941 Mbit/s. Isso significa que a velocidade oferecida é 752 vezes maior que a que dispõe um usuário da tecnologia 3G.

O fornecimento da conexão 4G durante a Campus Party é possível porque a Vivo instalou antenas para oferecer o serviço móvel 2G, 3G, 3G Plus e 4G. A previsão é que a tecnologia seja fornecida comercialmente ainda este ano nas cidades-sede da Copa das Confederações, a até o ano que vem nas cidades que receberão a Copa do Mundo.

Campus Party Brasil 2013

A sexta edição da Campus Party Brasil, uma das maiores festas de inovação, tecnologia e cultura digital do mundo, acontece entre 28 de janeiro e 3 de fevereiro no Anhembi Parque, em São Paulo. Na Arena do evento, 8 mil pessoas têm acesso à internet de alta velocidade e a mais de 500 horas de palestras, oficinas e workshops em 18 temáticas, que vão desde mídias sociais e empreendedorismo até robótica e biotecnologia. Cinco mil desses campuseiros passam a semana acampados no local.

A 6ª edição traz ao Brasil nomes como o astronauta Buzz Aldrin, um dos primeiros homens a pisar na Lua, e o fundador da Atari, Nolan Bushnell. Em sua sexta edição em São Paulo, a Campus Party também teve no ano passado a primeira edição em Recife (PE). O evento acontece ainda em países como Colômbia, Estados Unidos, México, Equador e Espanha, onde nasceu em 1997.

Nas edições brasileiras anteriores, o evento trouxe ao País nomes como Tim Berners-Lee, o criador da Web; Kevin Mitnick, um dos mais famosos hackers do mundo; Al Gore, ex-vice-presidente dos Estados Unidos; Steve Wozniak, que fundou a Apple ao lado de Steve Jobs; e Kul Wadhwa, diretor-geral da fundação Wikimedia,que mantém a Wikipédia.

O Terra cobre o evento direto do Anhembi Parque e, além do canal especial Campus Party Brasil 2013, os internautas podem acompanhar as novidades pelo blog Direto da Campus. Para seguir a festa pelo Twitter, basta acompanhar a hashtag oficial do evento, #cpbr6.

 

Fonte: Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade