PUBLICIDADE
 Foto: Reprodução/Instagram/@ahickmann

'Quero que ele seja um homem do bem': Ana Hickmann abre o coração sobre o filho e a maternidade

Apresentadora revela quais são os principais desafios que enfrenta na maternidade e compartilha como é a relação com seu único filho

Imagem: Reprodução/Instagram/@ahickmann
  • Erem Carla Erem Carla
Compartilhar
12 mai 2024 - 05h00

“A melhor notícia da minha vida”. Foi assim que, em agosto de 2013, Ana Hickmann anunciou que estava esperando seu primeiro filho. No dia 7 de março de 2014, nascia junto a Alexandre Hickmann uma nova Ana. 

Em conversa com o Terra Você, a apresentadora se derrete ao contar como é a sua relação com o filho de 10 anos de idade e revela que Alezinho tem muitos pontos que se assemelham a ela. “Ele é aventureiro, ama a natureza e adora descobrir coisas novas. Somos ótimos companheiros de viagem”, diz Hickmann.

Foto: Reprodução/Instagram/@ahickmann

O Alezinho é uma criança muito iluminada, inteligente, amorosa e alto astral.

Bom exemplo

A responsabilidade de ser mãe foi adicionada às funções de Ana, que aos 33 anos, quando engravidou, continuava seguindo sua carreira de modelo, apresentadora e empresária, e ainda assim fez questão de reservar um tempo para compartilhar essa nova fase com seus fãs e admiradores. 

Hoje mãe há 10 anos, Ana conta que educar seu filho é um desafio que ela encara todos os dias com dedicação e cuidado, pois se preocupa com os valores que vai passar para Alezinho. 

O mundo é muito difícil, mas só depende da gente para transformar esse espaço.

Ela diz que a forma como lida e reage aos desafios que enfrenta na sua rotina como mulher e profissional são bases que servem de exemplo positivo para o menino.

“Eu quero ser um bom exemplo para o meu filho. Exemplo de mãe, de mulher, de trabalhadora e de ser humano. Quero mostrar para ele como é importante respeitar o próximo, respeitar as diferenças de cada indivíduo, de lutarmos pelos nossos sonhos e desejos, que a gente tem que ser honesto, trabalhador, e, principalmente, se a gente quer algo, a gente tem que lutar por isso."

Rede de apoio

Desde que se tornou mãe, Ana conta com a ajuda de Mamá, uma colaboradora que se tornou sua amiga e a ajuda nos cuidados com Alezinho, principalmente quando a apresentadora precisa viajar. 

“Hoje, eu falo que ela se transformou na segunda mãe do meu filho. É alguém que eu confio e que ama o Alezinho tanto quanto eu o amo”, diz Ana.

As irmãs da modelo, Fernanda e Isabel Hickmann, também fazem parte da rede de apoio e se colocam à disposição para ajudar Ana no que for necessário. 

Ana Hickmann com as irmãs Fernanda e Isabel, e o sobrinho e afilhado Francisco
Ana Hickmann com as irmãs Fernanda e Isabel, e o sobrinho e afilhado Francisco
Foto: Reprodução/Instagram/@ahickmann

“Graças a Deus, a família me auxilia muito nessas horas. E quando eu não tenho que viajar aos finais de semana, Alezinho fica comigo, grudadinho”, conta.

A inspiração na própria mãe

De origem humilde, Reni Saath, mãe de Ana, já trabalhava aos 15 anos em uma plantação de tabaco da família, em Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul. Aos 17, Reni casou com João Hickmann e deixou de estudar e trabalhar para se dedicar ao marido e aos filhos. 

Foi só aos 36 anos que Reni decidiu largar o casamento abusivo, retomar os estudos e trabalhar. Aos 43, ela se formou em engenharia agrícola, tem mestrado, doutorado, pós-doutorado, e hoje trabalha como coordenadora do departamento de agronomia da Universidade Estadual de Maringá (UEM), no Paraná. “Ela é um exemplo para mim de dedicação ao seu sonho”, elogia Ana.

A história de superação da mãe é contada por Ana Hickmann, a primogênita entre os quatro irmãos, com muito orgulho e admiração. “Minha mãe é uma mulher maravilhosa e inteligentíssima. Eu tenho muito orgulho dela! Ela sempre me ensinou a não desistir e a conquistar as minhas coisas com o meu próprio trabalho, sem esperar que ninguém faça isso por mim”, afirma a modelo.

Reni Saath, mãe de Ana
Reni Saath, mãe de Ana
Foto: Reprodução/Instagram/@ahickmann

Ainda hoje, ela tem na mão a cicatriz que a tentativa de defender Reni de uma agressão do seu pai deixou. Também vítima de violência doméstica, Ana não achou quem a defendesse, mas viu no filho a força que precisava para sair de uma situação abusiva que passou com o ex-marido, Alexandre Correa. 

“Você não está sozinha. Denuncie, pois a justiça existe e está a seu favor. Use a sua voz para se proteger”, alerta a apresentadora.

O que quer a mãe de Alexandre

Em suas redes sociais, Ana compartilha os momentos que divide com o filho e se declara para o menino nos passeios e atividades que realiza com ele. Recentemente, já ao lado do namorado Edu Guedes, ela publicou as fotos da comemoração do aniversário de 10 anos do menino. 

Para o futuro de Alezinho, a apresentadora revela que deseja que o filho conquiste os próprios sonhos e seja extremamente feliz em todas as áreas da vida. 

Quero muito que o Alezinho seja um homem do bem, de caráter, honesto e respeitoso. Rezo todas as noites para que Deus proteja o meu menino, o blinde de todo mal e que ele nunca esteja desamparado.

Foto: Reprodução/Instagram/@ahickmann
Fonte: Redação Terra Você
PUBLICIDADE