2 eventos ao vivo

Facebook suspende milhares de aplicativos em investigação

20 set 2019
18h13
atualizado às 19h27
  • separator
  • 0
  • comentários

O Facebook anunciou nesta sexta-feira que suspendeu dezenas de milhares de aplicativos em sua plataforma, como parte da investigação da empresa que começou em março de 2018, em resposta ao escândalo envolvendo a consultoria Cambridge Analytica.

18/06/2019. REUTERS/Dado Ruvic
18/06/2019. REUTERS/Dado Ruvic
Foto: Reuters

Os aplicativos suspensos estão associados a cerca de 400 desenvolvedores, disse o Facebook, acrescentando que não é necessariamente uma indicação de que esses aplicativos representem uma ameaça para os usuários.

Neste ano, a empresa fez acordo para pagar multa recorde de 5 bilhões de dólares à Comissão Federal de Comércio dos EUA (FTC, na sigla em inglês), para encerrar uma investigação do governo norte-americano sobre suas práticas envolvendo a privacidade de seus usuários.

A investigação de privacidade da FTC foi desencadeada no ano passado por alegações de que o Facebook violou um decreto de consentimento de 2012 e compartilhou inadequadamente informações de 87 milhões de usuários com a consultoria britânica Cambridge Analytica.

Desde então, o Facebook concordou em aumentar as salvaguardas nos dados dos usuários e restringiu a quantidade de informações que os desenvolvedores terceirizados podem solicitar aos usuários da plataforma.

"Estamos progredindo. Não pegaremos tudo, e parte do que capturaremos será com a ajuda de outros fora do Facebook", disse a empresa.

Veja também:

 

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade