PUBLICIDADE

Juiz do Texas decide que distrito escolar pode punir adolescente negro por usar dreadlocks

Darryl George foi suspenso em agosto e enviado para programa disciplinar em outro local durante o ano letivo ao se recusar a mudar cabelo

22 fev 2024 - 20h58
(atualizado em 23/2/2024 às 11h25)
Compartilhar
Exibir comentários
O estudante Darryl George se recusou a mudar o estilo dread do cabelo e foi punido por escola
O estudante Darryl George se recusou a mudar o estilo dread do cabelo e foi punido por escola
Foto: Reprodução/CBSNEWS

Um juiz do Texas decidiu nesta quinta-feira que um distrito escolar da região de Houston não violou uma nova lei estadual contra discriminação ao punir um estudante negro por se recusar a mudar seu estilo de cabelo, disse a imprensa local. 

O caso envolve Darryl George, que usa dreadlocks trançados no topo da cabeça, e o Distrito Escolar Independente Barbers Hill, que alegou que o estilo do cabelo do garoto de 18 anos violava seu código de vestimenta, segundo a Houston Public Media. Ele foi suspenso em agosto e enviado para um programa disciplinar em outro local durante todo o ano letivo. 

7 tipos de tranças africanas e seus significados 7 tipos de tranças africanas e seus significados

Durante o primeiro dia do julgamento, o juiz Chap Cain decidiu que Barbers Hill não violou o chamado Crown Act do Estado, que proíbe discriminação de cabelo baseada em raça, de acordo com o veículo de imprensa. 

"Tenho sentido muitas emoções -- raiva, tristeza", disse George, ao entrar no tribunal nesta quinta-feira, segundo a Houston Public Media. "É uma sensação muito solitária ser a única pessoa presa em uma sala o semestre inteiro, o ano inteiro", afirmou.

Recentemente, cresceu apoio nos Estados Unidos a legislações que proíbem discriminação de cabelo baseada em raça, especificamente em texturas e estilos associados a uma determinada raça ou origem nacional.

O Texas é um dos 24 estados que aprovaram leis proibindo esse tipo de discriminação, segundo o Instituto de Política Econômica. A lei foi aprovada em maio de 2023 pelo Texas. 

A União America pelas Liberdades Civis do Texas escreveu nas redes sociais nesta quinta-feira, 22, que o distrito escolar Barbers Hill "tem repetidamente atrapalhado a educação de estudantes negros no distrito por causa de seus códigos de vestimenta discriminatórios". 

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade