0

Saiba como destacar seu negócio em 2017

Segundo Joannes Righetto, da Zip Automação, em meio a tanta concorrência, é preciso saber se comunicar com seu consumidor

5 abr 2017
11h10
  • separator
  • comentários

Se você tem um comércio e está com dificuldades em movimentar as vendas e deixar sua marca em alta no mercado, saiba que existem estratégias para isso, basta que você se trace um plano de ação bem elaborado.

O consumidor moderno é faminto por novidades. E, por mais que seu produto não seja uma novidade, você pode trabalhar o marketing dele para que ele se torne um item desejado. É tudo uma questão de saber passar para o consumidor uma ideia que ele queira comprar. Saber se comunicar e entrar em sintonia com ele. SAC humanizado, uma rede social atualizada e que converse com o cliente, campanhas, promoções são alguns exemplos que funcionam.

Outro ponto fundamental é ter agilidade no atendimento. Ninguém gosta de perder tempo.

Isso é conseguido com a automação nos processos de sua loja. Você pode começar modificando coisas simples, mas que fazem toda a diferença para o consumidor final, como a automação de alguns processos.

"Existem muitos comércios que ainda trabalham com etiquetamento de preço, em vez de código de barras. Outros, não emitem nota fiscal na hora para o cliente. Outros ainda exibem um relógio de ponto dos funcionários antigo, bem na entrada da loja. É preciso se modernizar", sugere Joannes Righetto, diretor da Zip Automação (http://www.zipautomacao.com.br), e-commerce brasileiro do segmento de automação comercial.

Claro, a automação é apenas o começo... Há um longo caminho a percorrer para se destacar:

Analise o problema

Se sua loja está vazia, é porque tem algo de errado - ou com o produto que você está vendendo, ou com o preço, ou com a forma de atendimento, ou com o design da loja, entre outros fatores. É preciso ganhar a mente do consumidor, se tornar uma marca inovadora.

Comece fazendo uma lista das suas fraquezas e forças. Então, elabore um questionário para aplicar em alguns clientes fiéis. Clientes esporádicos também pode lhe ajudar, respondendo às perguntas. Se conseguir falar com ex clientes (aqueles que não aparecem há um tempão), a opinião deles também será de grande valia.

Com as respostas em mãos, você começará a entender o que seu cliente deseja, o que faria ele comprar mais.

Se for o preço, por exemplo, é hora de trocar de fornecedores ou começar a negociar com eles. Se for o atendimento, vale dar um chacoalhão na equipe e iniciar treinamentos intensivos. Se necessário, substitua seu quadro de funcionários.

Mude a sua imagem

Após descobrir qual é o problema e solucioná-lo, é hora de limpar a sua imagem para o consumidor final. Você pode, por exemplo, mudar a identidade visual da sua marca, modernizando o logotipo.

Depois, organize um coquetel de relançamento da marca. Entregue panfletos aos clientes que forem mostrando as mudanças, as automações aplicadas e fale também do treinamento dos funcionários.

Mostre que seu foco é o consumidor. É ele o mais importante e a razão da sua existência. Conte para ele que você ouviu suas ideias e implementou mudanças na loja.

Indiretamente, essa é uma estratégia de branding que dá supercerto - e sua principal propaganda será o boca a boca deste consumidor feliz com sua marca.

Torne o consumo em sua loja prazeroso

Tenha uma cafeteira e deixe à vontade para os clientes se servirem. Pufes, sofás e alguns bancos também deixam o ambiente mais aconchegante.

A trilha sonora deve passar a ideia-chave de sua marca para o consumidor. Se você colocar uma música acelerada e alta, a mensagem será: "faça suas compras rapidamente e vá embora". Se a música estiver em um volume agradável e for neutra, será mais prazeroso para ele passar o tempo em sua loja. Em contrapartida, músicas muito lentas podem deixar seu consumidor com sono e com saudade de casa.

A dica é fazer o teste e mensurar, posteriormente, qual música deixou a loja mais lotada, aumentou o ticket médio e deixou os consumidores mais satisfeitos.

E, assim como a trilha sonora, muitos outros elementos podem impactar na opinião do cliente. A iluminação, a disposição dos produtos e a limpeza do ambiente são alguns exemplos e você deve sempre estar atento a isso para que cada vez, faça mais sucesso em sua área de atuação.

Invista em sua equipe

Deixe os trabalhadores felizes e terá bons resultados. Invista na formação deles, pague cursos, forneça treinamentos, tenha um e-mail marketing focado no público interno.

Tudo isso mostra que você se preocupa e melhora ainda mais o nome de sua marca.

Foto: DINO
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade