4 eventos ao vivo

Imagens de elefante que 'fuma' viralizam e intrigam cientistas

Fêmea foi filmada em floresta da Índia baforando nuvem de fumaça; especialistas especulam que animal estava ingerindo carvão por causa de suas propriedades benignas.

28 mar 2018
06h54
atualizado às 07h28
  • separator
  • comentários

Um vídeo de um elefante baforando fumaça em uma floresta da Índia surpreendeu especialistas em vida selvagem.

Cientista filmou elefanta soltando fumaça em floresta da Índia em 2016, mas só divulgou imagens agora por 'não ter percebido sua importância'
Cientista filmou elefanta soltando fumaça em floresta da Índia em 2016, mas só divulgou imagens agora por 'não ter percebido sua importância'
Foto: WCS/Divulgação / BBC News Brasil

A cena foi filmada em abril de 2016 por Vinay Kumar, cientista da organização do meio ambiente Wildlife Conservation Society (WCS), da Índia, durante uma viagem de trabalho à floresta de Nagarhole, no Estado de Karnataka.

Ele disse à BBC que não havia divulgado o vídeo até agora porque não "percebeu sua importância".

Os cientistas dizem que ainda não está claro o motivo do comportamento; o animal parece colher cinzas com sua tromba e levá-las à boca, para depois expeli-las com fumaça.

"Esta é a primeira vídeo-documentação conhecida de um elefante selvagem exibindo tal comportamento e isso tem intrigado cientistas e especialistas", disse um comunicado da Wildlife Conservation Society.

'Ingerindo carvão'

Kumar disse que ele e sua equipe estavam visitando a floresta no início da manhã para monitorar armadilhas fotográficas montadas para capturar imagens de tigres quando avistou a elefanta a apenas 50 metros de distância e começou a filmá-la.

A fêmea "parece ingerir o carvão" deixado por um fogo controlado no chão e "assoprar as cinzas", segundo o comunicado.

"O que vimos naquele dia quase pareceu como se o elefante estivesse fumando - ela desenhava um baú cheio de cinzas perto de sua boca e soprava uma nuvem de fumaça!", disse Kumar.

O biólogo especialista em elefantes Varun R. Goswami, que examinou o vídeo, acredita que "muito provavelmente o elefante estava tentando ingerir o carvão de madeira, já que ela parecia estar pegando algo do chão da floresta queimada, expelindo com a tromba as cinzas que vinham junto e consumindo o resto".

"O carvão vegetal tem propriedades absorventes de toxinas bem conhecidas e, embora possa não ter alto valor nutricional, animais silvestres podem ser atraídos por esse valor medicinal", disse ele.

"O carvão vegetal também pode servir como um laxante, duplicando assim sua utilidade para os animais que o consomem após incêndios florestais, tempestade de raios ou queimadas controladas."

Os cientistas acreditam que elefanta estava ingerindo carvão de madeira queimado
Os cientistas acreditam que elefanta estava ingerindo carvão de madeira queimado
Foto: WCS/Divulgação / BBC News Brasil

Veja também

Homem se lança em foguete caseiro para checar se a Terra é plana ou não

 

BBC News Brasil BBC News Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da BBC News Brasil.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade