PUBLICIDADE

Quais exclusivos do Xbox chegam aos PS5 e Switch?

Microsoft revelou a lista de jogos que perderão exclusividade e suas respectivas datas e plataformas. Movimento faz parte da estratégia de expansão do Xbox

21 fev 2024 - 18h42
(atualizado às 20h03)
Compartilhar
Exibir comentários

A Microsoft finalmente revelou quais são os quatro jogos exclusivos do Xbox que serão lançados para outras plataformas. Depois de o Nintendo Direct desta quarta-feira (21) confirmar Grounded e Pentiment, eis que a própria companhia anunciou que Hi-Fi Rush e Sea of Thieves também serão lançados para PlayStation 5 e Nintendo Switch.

A lista não chega a ser uma surpresa, já que os quatro games já eram apontados por rumores como os escolhidos pela Microsoft para inaugurar essa nova estratégia de expansão da marca em outras plataformas. A novidade está nos consoles escolhidos para cada um dos títulos e suas respectivas datas de lançamento. 

Primeiro jogo do Xbox a quebrar exclusividade chega já no dia 22 de fevereiro (Imagem: Divulgação/Microsoft)
Primeiro jogo do Xbox a quebrar exclusividade chega já no dia 22 de fevereiro (Imagem: Divulgação/Microsoft)
Foto: Canaltech
  • Pentiment: PS4, PS5 e Nintendo Switch em 22 de fevereiro;
  • Hi-Fi Rush: PlayStation 5 em 18 de março;
  • Grounded: PS4, PS5 e Nintendo Switch em 16 de abril, com cross-play entre todas as plataformas;
  • Sea of Thieves: PlayStation 5 em 30 de abril e com cross-play entre todas as plataformas.

De acordo com a própria Microsoft, o objetivo desses lançamentos é justamente permitir que mais pessoas confiram esses jogos e, no caso dos títulos multiplayer, "juntar mais pessoas e continuar a crescer suas comunidades". A empresa ainda cita franquias como Minecraft, Call of Duty, Overwatch e Diablo como outros exemplos de jogos pertencentes à Xbox Game Studio e que também estão disponíveis para jogadores de outros consoles. 

"Nunca houve um momento melhor para jogar e mal podemos esperar para que mais jogadores experimentem esses jogos incríveis", celebra Matt Booty, presidente do conteúdo de jogos e estúdios no anúncio das datas dos títulos multiplataforma da empresa.

Não é o fim do Xbox 

No texto publicado no site oficial do Xbox, Booty reforça o discurso de Phil Spencer feito na semana passada sobre o futuro da marca. Na ocasião, o presidente do Xbox Game Studios reforçou que o fim da exclusividade de alguns de seus jogos não é o fim do comprometimento da Microsoft com sua comunidade e nem com o Xbox em si.

Exemplo disso é que ambos destacam que o objetivo é levar os lançamentos da companhia para um número maior de pessoas ao mesmo tempo em que dá mais força ao ecossistema do Xbox, seja com o que chama de "plano de hardware de múltiplos anos robusto e inovador" quanto no comprometimento de trazer seus projetos internos ao Game Pass no dia do lançamento.

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade