PUBLICIDADE

Brasil iguala seu recorde de ouros numa edição de Olimpíada

País agora tem 7 medalhas douradas, o mesmo número alcançado na Rio-2016, mas número ainda deve aumentar neste último dia de competições

7 ago 2021 11h34
| atualizado às 11h49
ver comentários
Publicidade

Com as três medalhas de ouro conquistadas entre a madrugada e a manhã deste sábado, o Brasil igualou o seu recorde de topos numa mesma edição de Jogos Olímpicos: 7 em 2020 e 7 em 2016. Nessa edição, a delegação conquistou ouro na ginástica artística, no boxe, na canoagem velocidade, na maratona aquática, no surfe, na vela e no futebol.

Isaquias conquistou sua primeira medalha de ouro olímpico
Isaquias conquistou sua primeira medalha de ouro olímpico
Foto: Yara Nardi / Reuters

Mais ouros?

O Brasil ainda tem mais duas grandes chances de medalha dourada no vôlei feminino e no boxe. As finais serão nesta madrugada. As meninas da Seleção são favoritas contra os Estados Unidos, às 1h30. Meia hora depois, Beatriz Ferreira fará a última luta contra a irlandesa Harringhton, que é vista como "zebra".

Além dos 7 ouros, o Brasil soma 4 pratas e 8 bronzes, o que deixa o país em 12º no quadro geral de medalhas. Assim, a delegação já ganhou 19 medalhas (e tem as outras duas asseguradas) e igualou a Rio-2016, quando também teve o recorde no número geral de medalhas.

Lance!
Publicidade
Publicidade