PUBLICIDADE

Arthur Zanetti cai de cara no chão e fica sem medalha

Ginasta brasileiro encerrou a disputa na oitava e última colocação dos Jogos Olímpicos de Tóquio nesta segunda-feira

2 ago 2021 05h37
| atualizado às 06h16
ver comentários
Publicidade

Arthur Zanetti não teve um dia feliz na final das argolas nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Nesta segunda-feira, o brasileiro cometeu um grande erro ao encerrar a sua série, caindo no chão e recebendo uma nota baixa. Com o equívoco, o ginasta encerrou a disputa na oitava e última colocação. O ouro foi conquistado chinês Liu Yang, a prata pelo chinês Hao You e o bronze pelo grego Eleftherios Petrounias.

Arthur Zanetti durante apresentação desta segunda-feira nas argolas Lindsey Wasson/Reuters
Arthur Zanetti durante apresentação desta segunda-feira nas argolas Lindsey Wasson/Reuters
Foto: Lindsey Wasson / Reuters

Zanetti foi o primeiro ginasta a se apresentar, em ordem definida por sorteio. O brasileiro teve uma excelente série nas argolas, mantendo uma boa postura corporal, porém teve um grave erro na queda ao arriscar uma saída com alto grau de dificuldade.

Zanetti não conseguiu se equilibrar, caindo de cara no colchão. Com o equívoco, o brasileiro recebeu a nota 14.133, ficando de fora da briga pelo pódio na final.

O chinês Liu Yang fez uma série espetacular, com um alto grau de dificuldade e movimentos limpos, recebendo a nota 15.500, disparando na briga pelo ouro. O grego Eleftherios Petrounias, considerado um dos favoritos, não conseguiu ter a mesma precisão na série, recebendo a nota 15.200 e ficando com a terceira colocação, atrás também do chinês Hao You.

Zanetti tem duas medalhas olímpicas em seu currículo. Em 2012, nos Jogos de Londres, o ginasta conquistou o ouro nas argolas. Na edição seguinte, disputada no Rio de Janeiro, o atleta levou a prata.

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade