PUBLICIDADE

Real Madrid

Rodrygo comemora fim de jejum sem marcar pelo Real Madrid e fala sobre Vini Jr. na Bola de Ouro

24 out 2023 - 20h40
Compartilhar
Exibir comentários

Após mais de dois meses, Rodrygo voltou a marcar pelo Real Madrid. Nesta terça-feira, ele abriu o placar na vitória do time merengue por 2 a 1 diante do Braga, pela terceira rodada da Liga dos Campeões. O brasileiro celebrou o fim do jejum e evitou falar sobre a Bola de Ouro, mas criticando o posicionamento dos brasileiros no ranking.

"Muito feliz com o gol. Não gosto de falar zica, mas realmente, estava em um momento de má sorte. Tentava de todos os jeitos e não conseguia marcar. Fazia bons jogos e não fazia gol. Hoje nem fiz um jogo tão bom mas pude marcar, acho que isso é o legal do futebol. Feliz pela vitórias, que dá tranquilidade para nós no grupo e agora é continuar", declarou o atacante em entrevista à TNT Sports.

O último gol do jogador havia sido na primeira rodada do Campeonato Espanhol, quando a equipe de Ancelotti venceu o Athletic Bilbao por 2 a 0. Rodrygo também falou sobre como se sente jogando a Liga dos Campeões, torneio que ele conquistou na temporada 2021/2022 pelo Real Madrid.

"É nítido, me sinto sempre muito bem jogando essa competição. Pude fazer muitos gols importantes que ajudaram. Ou para desempatar o placar ou virar jogo. É uma competição que eu gosto muito. Desde a primeira vez que joguei tenho um carinho. Sempre que assistia também. Sou muito feliz por poder estar sendo importante nela, e espero continuar assim. Acho que é fruto do meu trabalho, então é seguir trabalhando para as coisas saírem bem", declarou.

Perguntado sobre a Bola de Ouro, da France Football, o jogador declarou, que conquistar o prêmio é um sonho, mas, no momento, não é uma prioridade. Apesar de evitar falar sobre a nomeação, Rodrygo criticou o posicionamento dos brasileiros na lista.

"Acredito que é um sonho para todo mundo. Nunca foi uma prioridade minha, sempre tento ir passo a passo. Acho que tenho que percorrer muito caminho ainda para um dia chegar lá, mas com certeza, é um sonho. Acho que a gente poderia até estar em posições melhores do que realmente fomos. O Vini também fez uma grande temporada, podia estar melhor, brasileiros também. Não gosto de ficar falando muito sobre isso, mas é continuar trabalhando, quem sabe um dia", finalizou.

Vinícius Júnior, companheiro de Rodrygo no Real Madrid, é o único brasileiro presente na lista dos 30 indicados ao prêmio. A premiação ocorre na próxima segunda-feira, dia 30 de outubro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Publicidade