PUBLICIDADE

Três jogadores do Liverpool testam positivo para covid-19

A liga adiou 18 partidas até agora devido a uma mistura de surtos de covid-19

31 dez 2021 12h52
| atualizado às 13h10
ver comentários
Publicidade

Três jogadores do Liverpool e integrantes da comissão testaram positivo para Covid-19 antes da viagem para enfrentar o Chelsea, mas é muito cedo para pedir à Premier League que adie o jogo, disse o técnico Juergen Klopp nesta sexta-feira.

O meia brasileiro Thiago Alcântara, do Liverpool, está recuperado
18/09/2021
REUTERS/Peter Powell
O meia brasileiro Thiago Alcântara, do Liverpool, está recuperado 18/09/2021 REUTERS/Peter Powell
Foto: Reuters

A liga adiou 18 partidas até agora devido a uma mistura de surtos de Covid-19 e lesões em vários clubes, deixando-os sem jogadores suficientes para cumprir os compromissos.

"Temos três novos casos de Covid na equipe e mais alguns na comissão, então não está tão legal no momento", disse Klopp a repórteres antes do jogo de domingo em Londres.

"Não posso (revelar quem deu positivo) porque temos que passar por todo o processo, PCR, mas você verá depois de amanhã na ficha da equipe, ficará claro quem está afetado."

Quando questionado se o Liverpool teria de pedir o adiamento do jogo, Klopp afirmou: "Ainda não, mas não sabemos. Nunca tivemos um surto de 10-15 jogadores."

Virgil van Dijk, Thiago Alcântara, Fabinho e Curtis Jones voltaram a treinar no Liverpool no início desta semana após terem ficado isolados devido a testes positivos de Covid-19.

Klopp acrescentou que Thiago e Takumi Minamino, que desfalcou o time na derrota no meio da semana para o Leicester City devido a dores musculares, ainda não têm condições de jogo.

"Provavelmente o Taki está mais perto, está correndo. O Thiago ainda não", disse o técnico alemão. "Pode demorar um pouco mais, um problema no quadril - não temos ideia de onde está vindo. Temos que ser um pouco pacientes."

Terceiro colocado, o Liverpool está um ponto atrás do Chelsea, que está em segundo, com um jogo a menos.

O líder Manchester City está oito pontos à frente do Chelsea e Klopp disse que, apesar de sua vantagem no meio da temporada, ainda há muito o que jogar.

"Há um momento decisivo em abril, aí você tem que estar perto o suficiente para ter uma chance de verdade. Vamos ver onde estaremos. De agora em diante ... são muitas partidas para jogar, muitas competições diferentes", disse Klopp.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade