PUBLICIDADE

F1: Verstappen segue sua turnê mundial, agora com show no México

Max Verstappen vence com sobras no México e empata número de vitórias de Alain Prost. Lewis Hamilton é 2º e Sergio Perez bate na largada

29 out 2023 - 19h14
Compartilhar
Exibir comentários

O Foro Sol é o estádio localizado dentro do autódromo Hermanos Rodriguez, na Cidade do México. O espaço é o grande palco de shows internacionais do México. Por lá, já passaram as turnês mundiais de grandes personalidades, como Metallica, Madonna, AC/DC, Lady Gaga, Paul McCartney, Pink Floyd, dentre tantos outros. Em 2023, foi a vez da turnê mundial de Max Verstappen passar pelo local Depois de dar show em 15 palcos e 14 países diferentes, a estrela holandesa mostrou sua performance à plateia mexicana.

Mas os 400.000 mexicanos que marcaram presença no fim de semana não estavam lá para ver Verstappen. O grande ídolo local é Sergio Perez, colega de Verstappen, e ele é quem cativava a audiência. O grande sonho dos presentes era ver uma vitória do Checo. A largada pareceu promissora: logo na partida, o mexicano embalou, pegou o vácuo dos carros à frente e, vindo de 5º, tentou assumir a liderança por fora na curva 1.

Perez foi rebelde, não seguiu os demais, mas exagerou: acabou batendo em Leclerc ainda na primeira curva e abreviando o sonho – seu e do público que lotava as arquibancadas – de uma vitória caseira. Fim de prova para ele. Verstappen, sem nada com isso, foi pelo outro lado, mergulhou por dentro e assumiu a liderança ainda nos metros iniciais.

Já à frente, Verstappen não foi incomodado e abriu vantagem consistentemente. Nem uma bandeira vermelha, causada por forte batida de Kevin Magnussen, e uma relargada parada, mudaram o cenário. Intocado, intocável e imparável, Verstappen chegou à sua 16ª vitória na temporada, 51ª na carreira – marca que o coloca lado a lado com o lendário Alain Prost no 4º lugar do ranking histórico de maiores vencedores da categoria.

O 2º lugar ficou com Lewis Hamilton, que superou Daniel Ricciardo e as duas Ferrari para chegar a mais um pódio e encurtar a vantagem de Perez para 20 pontos na luta pelo vice-campeonato. O último degrau do pódio ficou com Charles Leclerc, em mais uma corrida em que fez a pole e esteve longe da briga pela vitória.

Carlos Sainz terminou no 4º lugar, logo à frente de Lando Norris, que fez ótima corrida de recuperação depois de largar do fim do grid e somou bons pontos. Depois, apareceu a Mercedes de George Russell, seguido de perto pela AlphaTauri de Daniel Ricciardo, que faturou seus primeiros pontos no retorno à F1 em ótimo fim de semana. Oscar Piastri, Alex Albon e Esteban Ocon completaram a zona de pontuação.

A Fórmula 1 emenda mais um fim de semana de atividade na semana que vem, dessa vez aqui no Brasil. O GP de São Paulo acontece entre os dias 03 e 05 de novembro, no tradicionalíssimo templo de Interlagos.

Parabólica
Compartilhar
Publicidade
Publicidade