0

Guanaes credita melhora do Athletico-PR ao planejamento coletivo

23 mar 2019
21h13
  • separator
  • 0
  • comentários

Depois de golear nos três primeiros jogos da Taça Dirceu Krüger, o segundo turno do Campeonato Paranaense, o Athletico-PR foi mais econômico na noite deste sábado. Diante da pior equipe da competição, o Foz do Iguaçu, o Furacão venceu por 2 a 1, com gols de Marquinho e Léo Cittadini. Apesar do placar mais comedido, o treinador da equipe de aspirantes, Rafael Guanaes, exaltou o resultado.

"Eu tinha certeza absoluta de que seria um jogo extremamente difícil. Então, diante desse jogo, eu prefiro enaltecer os três pontos e a vitória da equipe, que vem de bons resultados e precisava de apenas um ponto para classificar. Mesmo assim, o time tentou jogar, foi para cima de uma equipe que tem boas ideias e possivelmente fez seu melhor jogo na competição", analisou.

Depois de terminar a Taça Barcímio Sicupira Júnior, o primeiro turno do Parananense, na quinta colocação de sua chave e não ir ao mata-mata, o Furacão melhorou no returno e, com 12 pontos em quatro rodadas, já assegurou vaga nas semifinais com um jogo de antecedência.

"O que mudou na verdade foi o tempo de montagem da equipe, de criar uma mentalidade vencedora e coletiva. Esse criar vem de uma participação coletiva, de todos do clube, da comissão aos jogadores. O planejamento culminou com o crescimento de desempenho e, principalmente, com a forma como estamos encarando os jogos. Classificamos com méritos e ainda temos o primeiro lugar para buscar", disse.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade