0

Aos 65, Olga estrela campanha de moda: "Uma fase feliz"

Apresentadora defende as mulheres de silhueta maior e dá dicas a quem precisa melhorar a autoestima

5 mar 2020
10h31
  • separator
  • 0
  • comentários

A verdadeira moda não tem idade. Prova disso é a apresentadora e radialista Olga Bongiovanni. Com passagens por Band, RedeTV! e TV Gazeta, entre outros canais, ela sempre foi apontada como referência de elegância. A comunicadora, de 65 anos, se tornou a imagem da recém-lançada coleção Love NY, da Maison SPA, marca da estilista e empresária Carla Folloni.

Olga Bongiovanni diz ter recebido uma injeção de autoestima ao posar para a campanha
Olga Bongiovanni diz ter recebido uma injeção de autoestima ao posar para a campanha
Foto: Maximo Jr. / Divulgação

A grife paulistana se destaca por fazer campanhas com famosas de diversas gerações e silhuetas. Já fotografaram com seus looks Fabiana Karla, Suzy Rêgo, Regina Volpato e Luiza Tomé. Folloni explica a escolha para o primeiro lançamento de 2020. "Olga é talentosa, bem-resolvida, mãe amorosa, muito solidária e linda", afirma. "Ela personifica bem a tradição e o vanguardismo vistos em Nova York, metrópole que me inspirou a criar a coleção."

No dia da sessão fotográfica, em um estúdio no bairro de Perdizes, em São Paulo, Olga admitiu  nervosismo diante da câmera, mas logo se entrosou com a equipe e curtiu a experiência de ser top model por um dia. "Eu me senti maravilhosa", revela. "Sugiro que toda mulher cuide de si para se sentir mais bonita e confiante." 

Acima, Olga com a estilista Carla Folloni e sendo maquiada; abaixo, no estúdio: dia de top model
Acima, Olga com a estilista Carla Folloni e sendo maquiada; abaixo, no estúdio: dia de top model
Foto: Divulgação

A comunicadora conversou com o Terra e fotos exclusivas do ensaio foram cedidas ao blog.

Como foi posar para as fotos? Bateu nervosismo?

Bateu sim (risos), afinal, a gente quer que fique o melhor, e sempre que é para fazer algo de exposição assim, dá um friozinho na barriga. Mas estava segura em relação à maquiagem, ao cabelo, ao fotógrafo. Todos me deixaram muito segura, parecíamos velhos conhecidos. Além disso, a dona da marca, Carla Folloni, é uma pessoa amável, super profissional. Eu estava em boas mãos, foi só me entregar.

Ficar no foco de câmeras e luzes mexeu com a autoestima? É bom ser vista como símbolo de elegância?

Mexe sim, ainda mais porque não sou mais uma garota de 40 anos (risos). Ser referência para uma marca é gratificante. Por meio dessas fotos digo às mulheres: nós podemos sim, olhe-se no espelho e veja o quão interessante você é. Uma boa produção e looks adequados fazem a diferença e te deixam maravilhosa. Foi assim que me senti.

O que achou dos looks que vestiu?

Maravilhosos! Tecidos com caimento perfeito, peças confortáveis, simplesmente lindos. Adorei as estampas. Há muito amor envolvido no processo de criação. O resultado não poderia ser outro: perfeição.

Você sempre abriu espaço em seus programas à moda inclusiva, para mulheres de diferentes idades e tamanhos de silhueta.

Importante mostrar ser possível vestir-se bem e estar bonita para qualquer ocasião independentemente de ser magra ou estar acima do peso. Cada pessoa sabe de si. Se estiver feliz, nada mais importa. Estou um tanto cansada dessa patrulha dos quilos a mais ou a menos. Muita gente se preocupa com os outros e esquece de cuidar da própria vida. E, às vezes, ela está uma droga. Chega disso! Vamos ficar lindas como somos e para nós mesmas.

Após a saída repentina da RedeTV!, como tem sido sua rotina? Faz planos?

Estou adorando acordar cedinho para caminhar, me exercitar, cuidar mais de mim no café da manhã, na hora do almoço, enfim, durante o dia todo. Não lembro de ter tido esse tempo na vida, por isso estou adorando ser dona de casa, mãe, avó, cozinheira, jardineira, empresária (risos). Ah! como é bom não ser escrava do relógio e da agenda. Essa fase me fez ter novo olhar sobre pessoas e coisas. Estou promovendo uma faxina geral em minha casa, mexendo em coisas de 30, 40 anos. Decidi também dispensar pessoas que nada acrescentam à minha vida, gente que fica perto apenas por puro interesse. Tenho projetos, mas não estou com pressa.

Vivemos a era do empoderamento feminino. Qual sua dica à mulher que ainda não se sente forte o suficiente para vencer os obstáculos do dia a dia e realizar seus sonhos?

Todos os dias, nas minhas redes sociais, mulheres me pedem ajuda de como agir sobre este ou aquele problema. O que lhes digo é que não há mudança daquilo que não queremos mais sem dor, sem sofrimento, sem muita determinação. Não adianta só lamentar e não fazer nada. Ninguém faz nada por nós, a atitude precisa ser nossa, mesmo que doa. Muitas pessoas só reclamam o tempo todo, um comportamento irritante. Quantas vezes já quebrei a cara... Mas nada me fez esmorecer. Não temos fórmula mágica. A receita é simples: saiba o que você quer e aonde deseja chegar, e então parta para a ação.

Veja também:

Startup cria novo conceito para repúblicas estudantis

 

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade