0

Aos 89 anos, Angela Maria morre em São Paulo

Velório e enterro vão acontecer neste domingo, 30, na zona sul da capital paulista

30 set 2018
08h35
atualizado às 10h31
  • separator
  • 0
  • comentários

A cantora Angela Maria morreu na noite deste sábado, 29, aos 89 anos, em São Paulo. O velório, às 10 horas deste domingo, e o enterro, às 16 horas, estão marcados para a zona sul da capital paulista, no Cemitério Congonhas, que confirmou a realização das cerimônias. De acordo com informações da unidade do Itaim Bibi do Hospital Sancta Maggiore, onde a artista estava internada desde o final de agosto por causa de uma infecção generalizada, ela não resistiu a uma parada cardíaca.

Ângela Maria em show em São Paulo, em 1977
Ângela Maria em show em São Paulo, em 1977
Foto: Arquivo / Estadão

Nascida em Conceição de Macabu, no Rio de Janeiro, Abelim Maria da Cunha assumiu o nome artístico de Angela Maria e começou a carreira de cantora aos 19 anos, em 1947. Gravou dezenas de sucessos e ganhou o título de "Rainha do Rádio", graças a eleição na edição de 1954 do tradicional concurso criado pela Associação Brasileira de Rádio. A intérprete se notabilizou como uma representante do gênero samba-canção, que surgiu no Brasil nos anos 1930.

O último álbum de estúdio da artista foi "Angela Maria e as Canções de Roberto & Erasmo", lançado em 2017, pela gravadora Biscoito Fino. Ao longo da carreira, a cantora promoveu parcerias com Roberto Carlos, Gal Costa, Caetano Veloso, Agnaldo Timóteo, Alcione, Cauby Peixoto, Fafá de Belém, Ney Matogrosso, entre outros. Foi candidata a vereadora da cidade de São Paulo na eleição municipal de 2012, pelo PTB, mas não se elegeu.

Veja também

As mulheres pressionadas para matarem seus bebês com deficiência no Quênia

 

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade