0

Marca de vinhos do Milan faz sucesso na China

Em 2 meses, mais de 70 mil garrafas já foram vendidas ao país

7 mar 2018
12h39
atualizado às 12h55
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Após o Milan ser comprado em abril de 2017 pelo empresário chinês Yonghong Li, a marca de vinhos do clube italiano está fazendo um grande sucesso na China. Entre novembro de 2017 e janeiro de 2018, mais de 70 mil garrafas da bebida, fabricada na vinícola La Collina dei Ciliegi, em Verona, foram vendidas.

"Nós somos, talvez, a única adega a ter a China como o primeiro mercado de distribuição. Um caminho de posicionamento constante e planejado de acordo com o mercado chinês", disse Massimo Gianolli, presidente da vinícola.

Já em campo, com uma sequência de 13 jogos sem derrotas, o Milan tem demonstrado uma grande performance sob o comando de Gennaro Gattuso. No Campeonato Italiano, a equipe rossonera é a sétima colocada, com 44 pontos.

No entanto, fora de campo a situação é outra. De acordo com a mídia italiana, o presidente do clube, Yonghong Li, declarou estado de falência, e pretende vender 25% do Milan para conseguir pagar os empréstimos que está devendo.

Veja também:

O chef premiado que valoriza peixes considerados menos nobres
Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade