PUBLICIDADE
AO VIVO
Terraiá ao vivo: assista ao show do Forró da Gota direto de Salvador

Tuane dá Taça das Favelas ao RJ e chora ao ouvir narração

Final feminina do torneio teve domínio da seleção paulista; atacante do Rio de Janeiro, em lance isolado, decidiu a partida

19 nov 2022 - 18h42
(atualizado em 20/11/2022 às 01h23)
Compartilhar
Exibir comentários
Tuane foi autora do gol do título do Rio de Janeiro na Taça das Favelas
Tuane foi autora do gol do título do Rio de Janeiro na Taça das Favelas
Foto: Dario Vasconcelos

A final do torneio feminino da Taça das Favelas teve amplo domínio da seleção paulista, mas o título foi para o Rio de Janeiro graças à atacante Tuane, que fez o gol solitário da partida, a 12 minutos do final.

Com um chute forte da entrada da área ela venceu a goleira Gabi, de São Paulo. Ao ouvir a narração do gol, pela voz de Everaldo Marques, da TV Globo, ela se emocionou e chorou.

"É uma emoção muito grande. Nunca passei por isso. Eu enfrentei muita barreira, mas estou aqui", disse ela, que dedicou a vitória ao irmão, "que está no céu" e à mãe, que acompanhou a partida na arquibancada.

Tuane diz que nutre o sonho de ser jogadora e que "um dia", vai realizar esse desejo. "Primeiro jogo nacional em São Paulo e a gente é campeão. Não estou nem acreditando", afirmou.

Jogadoras do Rio de Janeiro comemoram o título da Taça das Favelas
Jogadoras do Rio de Janeiro comemoram o título da Taça das Favelas
Foto: Dario Vasconcelos

Enquanto os cariocas comemoravam, Baratinha, um dos destaques da seleção paulista, lamentou a derrota, apesar do domínio do jogo. Durante a partida, foram diversas chances desperdiçadas pelas paulistas, que inclusive acertaram uma bola na trave no primeiro tempo. A goleira Dayane, do Rio de Janeiro, foi outro destaque da partida.

"A gente conseguiu criar muitas chances de gol, mas infelizmente não conseguimos sair daqui com a vitória", disse ela, que recebeu o apelido ainda na escola, por "correr muito".

A final do torneio foi disputada na Arena Barueri, na Grande São Paulo, que recebeu um público de cerca de 5 mil pessoas.

Fonte: Visão do Corre
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade