PUBLICIDADE

Xiaomi e Leica criam instituto para desenvolver câmeras de celulares

Reforçando parceria que completará dois anos, Xiaomi e Leica criaram instituto para otimizar resultados em fotos

21 fev 2024 - 22h21
(atualizado em 22/2/2024 às 12h06)
Compartilhar
Exibir comentários

A parceria entre a Xiaomi e a marca alemã de câmeras Leica acaba de avançar em mais um passo. As empresas anunciaram a criação de um instituto para desenvolvimento de conj untos ópticos para celulares, o que promete ser um importante marco para a indústria. 

Foto: Divulgação/Xiaomi / Canaltech
Câmeras Leica dos celulares Xiaomi devem ser ainda mais otimizadas (Imagem: Divulgação/Xiaomi) 
Câmeras Leica dos celulares Xiaomi devem ser ainda mais otimizadas (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Foto: Canaltech

De acordo com o comunicado da marca chinesa, o "Xiaomi x Leica Optical Institute" terá forte ênfase em aspectos que aprimoram resultados de câmeras em celulares. Isso inclui a experiência de usuário, tecnologia e filosofia de imagem, entre outros detalhes. 

Além disso, serão criados três laboratórios em Beijing, para desenvolvimento de hardware de câmeras e avaliação de qualidade das imagens capturadas. Mais de 200 profissionais especializados ficarão responsáveis pelas tarefas, em espaços que cobrem 2.644 m² no total.

As empresas prometeram focar em quatro fatores técnicos primordiais: 

  • O desenvolvimento de lentes de alta precisão em um formato compacto;
  • O alcance de uma performance ideal em fotografia computacional; 
  • A defesa dos padrões mais rígidos de qualidade para lentes;
  • A pesquisa e aplicação de tecnologias de ponta em componentes que emitem ou detectam luz;

Xiaomi 14 Ultra deve destacar parceria com a Leica

O anúncio vem em um momento estratégico para a marca, já que acontece um dia antes do lançamento do smartphone Xiaomi 14 Ultra para a China. O mesmo aparelho também será anunciado no mercado global durante a Mobile World Congress (MWC) 2024, no dia 25 de fevereiro. 

Assim como já aconteceu em gerações anteriores, o novo celular terá grande foco no seu conjunto de câmeras, incluindo a presença de um novo sensor principal Sony LYT900 com 50 MP grandes dimensões de 1 polegada. Na prática, são esperados resultados aprimorados em fotos e vídeos, especialmente aqueles capturados em condições mais desafiadores com iluminação precária. 

Outro diferencial do Xiaomi 14 Ultra deve ser seu kit de fotografia, que será vendido separadamente. Com ele, será possível obter uma experiência mais próxima das câmeras profissionais, com proteções para as lentes e um módulo integrado que inclui um botão de obturador com acionamento em duas fases. 

Kit de fotografia é acessório voltado para entusiastas (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Kit de fotografia é acessório voltado para entusiastas (Imagem: Divulgação/Xiaomi)
Foto: Canaltech

A parceria entre Xiaomi e Leica foi iniciada em 2022, com lançamentos especialmente nas faixas de preço mais altas da marca chinesa. No entanto, a marca alemã tem um histórico ainda mais longo de colaboração com marcas de smartphone, já que anteriormente trabalhava em conjunto com a Huawei

Fonte: Xiaomi

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade