PUBLICIDADE

TikTok deve permitir posts colaborativos estilo Instagram

Inspiração no rival: TikTok deve adotar ferramenta de posts colaborativos parecida com a do Instagram

1 abr 2024 - 15h00
(atualizado às 18h15)
Compartilhar
Exibir comentários

O TikTok desenvolve uma opção para criar posts colaborativos na rede social nos mesmos moldes do Instagram. Com a novidade, seria possível convidar até cinco perfis diferentes para a publicação e dividir a autoria entre as contas. 

Foto: Olivier Bergeron/Unsplash / Canaltech

O site TheSpAndroid publicou uma série de informações sobre o recurso, encontradas no código da versão 34.1.15 do aplicativo para Android. Os comandos mencionam a possibilidade de convidar alguém ou aceitar convites, ver quem participa do post e outras regras de funcionamento — somente contas públicas podem criar colaborações, o limite é de quatro posts por mês e os colaboradores não podem editar o conteúdo original. 

Atualmente, o TikTok permite criar duetos com outra conta, mas não oferece nenhuma opção parecida para três ou mais perfis ou para publicações compartilhadas com outras contas. O Instagram, por outro lado, deixa que até cinco contas diferentes compartilhem a mesma postagem. 

Quando há um Collab na rede social da Meta, a mesma publicação é exibida no feed de cada perfil participante e pode ser vista pelos seguidores de cada um deles. Por isso, os posts em conjunto se tornaram uma opção comum para os "publis" de influenciadores.

Posts colaborativos chegaram ao Instagram em 2021 (Imagem: Divulgação/Instagram)
Posts colaborativos chegaram ao Instagram em 2021 (Imagem: Divulgação/Instagram)
Foto: Canaltech

Toma lá, dá cá

Copiar o recurso de uma rede social concorrente não é nenhuma novidade: basta notar que os Reels do Instagram e os Shorts do YouTube são uma forma de competir contra a própria ideia de vídeos curtos do TikTok. O mesmo Instagram já adotou os Stories para rivalizar com o Snapchat, o WhatsApp incorporou recursos do Telegram, e por aí vai.

Assim, o TikTok apenas segue uma medida tão recorrente na indústria e deve reforçar o app após perder o posto de mais baixado no mundo para o rival da Meta. E essa não deve ser a única novidade: a plataforma também desenvolve uma plataforma de fotos que seria muito parecida com o Instagram "raiz", além de aumentar o espaço para vídeos longos numa tentativa de concorrer com o YouTube.

Fonte: TheSpAndroid

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade