PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Por que criador de NieR Automata acha que Stellar Blade é melhor que o seu jogo?

Criador de NieR Automata, Yoko Taro defende que Stellar Blade é um jogo muito melhor em vários aspectos e também diferente de sua obra mais popular

16 abr 2024 - 18h46
(atualizado em 17/4/2024 às 10h16)
Compartilhar
Exibir comentários

Stellar Blade ainda nem chegou, mas já vem sendo alvo de muitas comparações. O game exclusivo do PlayStation 5 já foi colocado ao lado de Bayonetta e NieR Automata por causa de sua jogabilidade e também pelo apelo sexual de sua protagonista. E agora, o criador da série NieR entra na discussão para dizer que o título sul-coreano é melhor do que seu próprio trabalho.

Foto: Square Enix, Shift Up / Canaltech

Em entrevista à IGN Japão, o diretor Yoko Taro falou sobre as comparações feitas entre os dois jogos e como ele não concorda com essa visão. Segundo ele, Stellar Blade é superior por trazer uma qualidade gráfica digna da nova geração, além de personagens femininas muito bonitas.

Segundo Yoko Taro, design dos personagens de Stellar Blade é muito melhor do que o de Nier Automata (Imagem: Divulgação/Shift Up)
Segundo Yoko Taro, design dos personagens de Stellar Blade é muito melhor do que o de Nier Automata (Imagem: Divulgação/Shift Up)
Foto: Canaltech

"Stellar Blade é um jogo incrível. Diria que muito melhor do que NieR: Automata", aponta Taro, destacando como o design de personagens foi uma das coisas que mais lhe agradou. Segundo ele, o estilo do diretor Hyung-Tae Kim valoriza os personagens masculinos quanto as femininas, deixando o jogo todo muito mais interessante e bonito.

Yoko Taro diz que já esperava que as comparações com NieR iriam acontecer, mas não concorda com elas. "Quando você joga, imediatamente percebe que é um jogo muito diferente, mas o fato de ele também ter uma mulher delicada em meio à ação força essa comparação", destaca o diretor. "Se Stellar Blade fosse o mesmo jogo com um brucutu como herói, acho que as pessoas não iriam apontar essas semelhanças".

O fato de tanto Stellar Blade quanto Nier trazerem uma heroína em um jogo de ação já motica as comparações, segundo Taro (Imagem: Divulgação/Shift Up)
O fato de tanto Stellar Blade quanto Nier trazerem uma heroína em um jogo de ação já motica as comparações, segundo Taro (Imagem: Divulgação/Shift Up)
Foto: Canaltech

Para ele, essas comparações acontecem justamente porque não há muitos games que apostam nesse tipo de protagonista — o que faz com que NieR e Bayonetta sempre sejam citados nesses paralelos.

Gameplay também é diferente

Para além do design, Yoko Taro destacou também como a jogabilidade de Stellar Blade é diferente daquilo que ele desenhou para NieR Automata. Nesse caso, ele ressalta que não há uma resposta certa de como um ou outro game deveria ser, principalmente em termos de dificuldade.

Para ele, a dificuldade elevada dos jogos da From Software — os chamados Soulsborne — se tornaram muito populares nos últimos anos, mas acabaram transformando a dificuldade em um produto. "Antes, a ideia sempre foi fazer coisas mais casuais e livres de stress, mas a From transformou o stress em um produto", cutuca Taro. "Só que essa é uma invenção de Hidetaka Miyazaki, então não vejo razão de copiar isso. Prefiro inventar algo diferente".

Stellar BLade traz uma jogabilidade mais próxima de um Dark Souls (Imagem: Reprodução/Shift Up)
Stellar BLade traz uma jogabilidade mais próxima de um Dark Souls (Imagem: Reprodução/Shift Up)
Foto: Canaltech

Tudo isso porque ele próprio considerou a dificuldade de Stellar Blade um pouco elevada, tendo dificuldade para passar do primeiro chefe do jogo. O game da Shift Up que chega ao PS5 no dia 26 de abril segue um pouco a lógica dos Soulsborne, exigindo que o jogador acerte o tempo correto de defesa para conseguir derrotar inimigos maiores.

No entanto, o próprio diretor de NieR Automata reconhece que há muito mais do que apenas essa cópia de Dark Souls, classificando a jogabilidade de Stellar Blade como algo muito profundo. Para ele, isso tudo é o que mais distancia o seu jogo do exclusivo do PS5, já que ele buscou um gameplay mais simplificado quando trouxe a história de 2B.

Segundo Hyung-Tae Kim, Stellar Blade realmente bebeu um pouco da fonte da From Software, mas que sempre se preocupou em criar um bom equilíbrio que satisfizesse tanto quem quer um grande desafio quanto aqueles que só querem acompanhar a história.

Stellar Blade chega ao PlayStation 5 no dia 26 de abril.

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade