PUBLICIDADE

O que significa o SUPER nas placas de vídeo Nvidia?

As placas de vídeo NVIDIA GeForce SUPER representam uma atualização no portfólio da empresa e designam novas GPUs com incrementos; mas onde elas se encaixam?

11 fev 2024 - 12h31
(atualizado em 12/2/2024 às 11h55)
Compartilhar
Exibir comentários

Anualmente, a NVIDIA lança vários modelos de placas de vídeo para notebooks e computadores, mas uma linha que vem ganhando cada vez mais notoriedade é a GeForce SUPER. O SUPER é o prefixo que indica uma atualização em um modelo de placa que já existe, melhorando certos aspectos da placa e, geralmente, trazendo um preço mais competitivo.

Foto: NVIDIA YouTube / Canaltech

Em relação a outras nomenclaturas utilizadas pela NVIDIA, as placas SUPER até que são bem recentes, mas já começaram a cair no gosto do público. No entanto, ainda é motivo de dúvida na comunidade do hardware por conta de algumas similaridades com as famosas placas Ti.

Para explicar melhor o que exatamente é o sufixo SUPER e onde essas placas de vídeo se encaixam, o Canaltech conversou com o Gerente de Marketing Técnico da NVIDIA Brasil, Alexandre Ziebert. 

O que é o SUPER nas placas da NVIDIA?

Em outras palavras, a terminação SUPER é o que mostra para o consumidor que um determinado modelo de placa de vídeo ganhou um update, ou seja, um incremento, como aponta o especialista da NVIDIA. Por exemplo, as RTX 2060 SUPER, RTX 2070 SUPER, RTX 4070 SUPER e RTX 4080 SUPER são produtos superiores em relação aos modelos-base.

"O SUPER vem para indicar uma versão melhorada de um modelo que já existe. Recentemente lançamos versões SUPER das GeForce RTX Série 40; a 4070 SUPER conviverá com a 4070, enquanto a 4070 Ti SUPER e a 4080 SUPER substituirão os modelos 'normais'", explica Alexandre Ziebert.

As primeiras NVIDIA GeForce SUPER foram lançadas em meados de 2019 com a chegada das RTX 2060, 2070 e 2080 SUPER. Os modelos se destacaram muito frente às versões originais e se tornaram a cara da geração RTX 20. No fim daquele ano a companhia também lançou as GeForce GTX 1650 SUPER e 1660 SUPER, igualmente importantes e conhecidas na época.

Por serem relativamente novas, ainda não há um padrão tão certo de quando essas GPUs aparecerão no mercado, mas digamos que o lançamento da linha acontece entre seis meses a um ano em relação à chegada dos primeiros modelos padrão. Todavia, nem toda geração conta com as SUPER, como foi o caso das RTX 30, que mantiveram apenas o sufixo Ti.

Nem todos os modelos da linha GeForce SUPER são vendidos na versão Founder's Edition (Imagem: Reprodução/NVIDIA)
Nem todos os modelos da linha GeForce SUPER são vendidos na versão Founder's Edition (Imagem: Reprodução/NVIDIA)
Foto: Canaltech

Em 2024 as placas voltaram a aparecer, justamente para indicar uma atualização no meio de uma geração. Em geral, elas podem coexistir com os modelos-base, como a RTX 4070 e RTX 4070 SUPER, mas, em outros casos, o modelo padrão pode ser descontinuado e somente o produto SUPER continuará sendo vendido por um preço igual ou inferior e com mais desempenho.

SUPER é muito melhor que os modelos normais?

Teoricamente, os modelos SUPER são mais rápidos que suas contrapartes normais, já que costumam ter frequências mais elevadas, maior contagem de núcleos CUDA, shaders, RT Cores, etc. Mesmo assim, essa vantagem pode ser equilibrada, na casa de 5% a 10%, dependendo da ocasião. Dessa forma, não espere o dobro ou triplo de desempenho com esses super lançamentos. 

Quais placas da NVIDIA usam o sufixo SUPER?

Por conta dos lançamentos recentes, o número de placas de vídeo com essa nomenclatura ainda é baixo. No entanto, a expectativa é que mais GPUs assim apareçam nos próximos anos. 

Placas de vídeo da NVIDIA com o sufixo SUPER
Modelo Ano lançamento
GeForce RTX 2060 SUPER 2019
GeForce RTX 2070 SUPER 2019
GeForce RTX 2080 SUPER 2019
GeForce RTX 1660 SUPER 2019
GeForce RTX 1650 SUPER 2019
GeForce RTX 4070 SUPER 2024
GeForce RTX 4070 Ti SUPER 2024
GeForce RTX 4080 SUPER 2024

Qual é melhor: GeForce SUPER ou Ti?

A principal dúvida dos consumidores nos últimos tempos tem relação com os sufixos usados pela NVIDIA. Afinal de contas, as GeForce SUPER são melhores que as GeForce Ti, ou é o oposto?

A verdade é que as GeForce Ti representam as melhores placas de vídeo da NVIDIA e são melhores que os modelos SUPER. É como se as SUPER fossem as intermediárias, já que são melhores que as placas comuns e inferiores em relação às Ti. Contudo, Ziebert comenta que esses sufixos podem ser combinados.

"A versão Ti ainda é melhor que a versão SUPER de um mesmo modelo, mas ambos podem ser combinados, como é o caso da 4070 Ti SUPER, ainda mais potente que a 4070 Ti, que por sua vez é superior à 4070 SUPER", diz o gerente de marketing técnico da NVIDIA

Vale a pena comprar uma GeForce SUPER?

Como já foi explicado, o caráter mais recente das GeForce SUPER impede uma análise mais aprofundada a respeito do seu custo-benefício em relação aos modelos Ti. Mesmo assim, por aparecerem quase sempre entre gerações, trazer mais desempenho e preços geralmente reduzidos, as RTX SUPER podem ser boas opções de compra.

Muitas vezes os modelos GeForce SUPER são lançados para dar mais competitividade ao mercado (Imagem: Divulgação/AMD)
Muitas vezes os modelos GeForce SUPER são lançados para dar mais competitividade ao mercado (Imagem: Divulgação/AMD)
Foto: Canaltech

No entanto, isso nem sempre deve ser uma regra. Por mais que as placas SUPER sejam teoricamente melhores, é sempre importante consultar as condições de preço e disponibilidade dos modelos padrões e Ti, além de entender a diferença de performance entre esses produtos. Para isso, a melhor opção é acompanhar as análises e comparativos realizados pelo Canaltech

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade