PUBLICIDADE

Google Chrome corrige falha de segurança em nova atualização

Atualização liberada pelo Chrome possui correções de segurança contra uma vulnerabilidade detectada na última semana

30 nov 2023 - 17h40
(atualizado às 20h52)
Compartilhar
Exibir comentários

O Google Chrome lançou uma nova atualização de segurança para corrigir uma vulnerabilidade detectada pela equipe de desenvolvedores nos últimos dias. O patch já está disponível para Linux, macOS e Windows e corrige um bug identificado pelo código CVE-2023-6345.

Foto: Canaltech/Felipe Freitas / Canaltech

Ainda não é possível apurar o que essa falha é capaz de fazer no navegador, mas o projeto Chromium a classifica como uma ameaça de nível alto e de zero-day, ou seja, ainda desconhecida a muitos desnvolvedores. De acordo com a Base de dados Nacional de Vulnerabilidades dos EUA, o bug pode estar relacionado a um problema no Skia, um repositório de gráficos 2D usado no Chrome.

É importante atualizar o Chrome para corrigir a vulnerabilidade de segurança (Imagem: Nathana Rebouças/Unsplash)
É importante atualizar o Chrome para corrigir a vulnerabilidade de segurança (Imagem: Nathana Rebouças/Unsplash)
Foto: Canaltech

Em nota, os desenvolvedores reconheceram que "há uma forma de explorar" o bug e liberaram uma nova atualização. Usuarios do Windows recebem a versão 119.0.6045.199 ou 119.0.6045.200 com as correções de segurança, enquanto donos de Linux e macOS precisam baixar o update para a versão 119.0.6045.199.

Atualize o navegador

O app pode baixar a nova versão automaticamente, mas também é possível fazer o processo de forma manual:

  1. Abra o Chrome;
  2. Clique no botão de três pontos;
  3. Selecione "Configurações";
  4. Clique em "Sobre o Google Chrome";
  5. Baixe a nova versão do navegador e reinicie o app.

O Google Chrome já começou a distribuir a nova atualização desde a última terça-feira, e informa que o update deve chegar a todos os dispositivos nas próximas semanas. Portanto, caso você ainda não tenha acesso às versões com a correção, a única alternativa é aguardar alguns dias.

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade