PUBLICIDADE

Como tirar a 2ª via do RG pela internet | Guia Prático

Saiba como tirar a 2ª via do RG pela internet ou agendar o atendimento presencial em cada estado brasileiro

10 fev 2024 - 11h01
(atualizado em 11/2/2024 às 12h19)
Compartilhar
Exibir comentários

É possível tirar a 2ª via do RG pela internet em alguns estados brasileiros em caso de perda, roubo ou para atualizar a foto do documento. O valor do serviço e o processo de emissão têm variação para estado, e há também diferença de validade entre o antigo RG e nova Carteira de Identidade Nacional (CIN).

Foto: Reprodução/Detran-RJ / Canaltech

Também não há um órgão central para a emissão do Registro Geral e cada estado tem um direcionamento próprio para realizar a solicitação ou agendar o atendimento.

Como tirar a 2ª via do RG pela internet

Nem todos os estados oferecem opção para tirar a 2ª via do RG pela internet. Em muitos locais, só é possível realizar o agendamento ou pré-atendimento pela web.

Veja abaixo quais serviços estão disponíveis em cada estado do Brasil:

Estado Solicitação online Agendamento para

atendimento presencial

Valor da 2ª via*
Acre idpol.ac.gov.br/services R$ 106,60 (papel) ou R$ 195,00 (policarbonato)
Alagoas policiacientifica.al.gov.br/carteira-de-identidade R$ 32,86
Amapá servicos.portal.ap.gov.br/servicos/emissao-de-segunda-via-da-carteira-de-identidade79 R$ 59,68
Amazonas amcin.e-instituto.com.br/Vsoft.iDSPS.Agendamento Gratuito
Bahia ba.gov.br/servico/1955 ba.gov.br/servico/1955 R$ 48,35
Ceará sps.ce.gov.br/sistemas/vapt-vupt R$ 51,13
Distrito Federal nahora.df.gov.br R$ 42,00
Espírito Santo agenda.es.gov.br R$ 76,55
Goiás go.gov.br/servicos/servico/agendar-atendimento-presencial-no-vapt-vupt R$ 40,26
Maranhão seati.segov.ma.gov.br/procon/agendamento R$ 44,19
Mato Grosso ganhatempo.seplag.mt.gov.br/agendamentos R$ 70,09 (papel moeda) ou R$ 99,53 (versão cartão)
Mato Grosso do Sul servicos.sejusp.ms.gov.br R$ 189,68
Minas Gerais cidadao.mg.gov.br R$ 100,74
Pará agendamento.policiacivil.pa.gov.br R$ 35,33
Paraíba agendamentorg.portaldacidadania.pb.gov.br R$ 16,85
Paraná policiacivil.pr.gov.br/Pagina/2a-via-da-Carteira-de-Identidade agendador.pr.gov.br/index.php/agendador/index-selecionar-municipio R$ 38,30
Pernambuco pecidadao.pe.gov.br/#/agendamento R$ 29,91
Piauí ssp.pi.gov.br/servicos.php R$ 21,60
Rio de Janeiro detran.rj.gov.br/_documento.asp?cod=160 R$ 51,18
Rio Grande do Norte www3.itep.rn.gov.br/agendamento R$ 25,00
Rio Grande do Sul rs.gov.br/carta-de-servicos/servicos?servico=1303 igp.rs.gov.br/agendamento-de-carteiras-de-identidade R$ 86,66
Rondônia portaldocidadao.ro.gov.br/Servico/Detalhes?id=a64e003e-8d8a-4b74-fe67-08da3f196d44 R$ 162,79
Roraima sefaz.rr.gov.br/cidadao/dare-avulso-cidadao R$ 54,93
Santa Catarina agendamento.igp.sc.gov.br R$ 44,79
São Paulo poupatempo.sp.gov.br poupatempo.sp.gov.br R$ 62,13
Sergipe agendafacil.se.gov.br R$ 19,00
Tocantins iito.ssp.to.gov.br/servicos R$ 25,00

*Os valores para emissão de 2ª via do RG podem sofrer alteração a qualquer momento

Alguns estados podem oferecer isenção da taxa para maiores de 60 anos, beneficiários de programas sociais, pessoas em situação de vulnerabilidade social ou ainda vítimas de roubo ou furto mediante apresentação de boletim de ocorrência.

Documentos para tirar 2ª via do RG

Para tirar a segunda via do RG, os seguintes documentos podem ser solicitados:

  • Duas fotos 3x4 recentes;
  • Certidão de nascimento original ou cópia simples;
  • Certidão de casamento original ou cópia simples (para pessoas casadas);
  • Boletim de ocorrência original ou cópia simples (em caso de roubo ou furto);
  • CPF original ou comprovante de inscrição da Receita Federal (para exibir o número do CPF no RG).

Caso não haja alteração dos dados em relação ao RG original e o sistema do estado esteja atualizado, pode não ser necessária a apresentação dos documentos. Nas solicitações pela internet, os documentos e fotos podem ser enviados em formato digital.

Carteira de Identidade Nacional (CIN), o novo RG

Os estados brasileiros começaram a substituir o antigo Registro Geral (RG) pela nova Carteira de Identidade Nacional (CIN). Todas as pessoas devem realizar a alteração do documento até 29 de fevereiro de 2032.

Modelo da nova Carteira de Identidade Nacional (Imagem: Reprodução/Governo Federal)
Modelo da nova Carteira de Identidade Nacional (Imagem: Reprodução/Governo Federal)
Foto: Canaltech

O "novo RG" possui prazos de validade para diferentes faixas etárias, o que significa que será necessário atualizar a CIN dentro de períodos determinados:

  • De 0 a 12 anos: validade por 5 anos;
  • De 12 a 60 anos incompletos: validade por 10 anos;
  • A partir dos 60 anos: validade indeterminada.

Hoje, o modelo de RG não tem um prazo de validade determinado por lei, mas, na prática, documentos com mais de 10 anos podem não ser aceitos como comprovante de identidade para realizar serviços bancários e legais.

A nova Carteira de Identidade Nacional já prevê essas situações e torna obrigatória a renovação do documento. Para atualizar para o novo formato de identificação, veja como fazer a sua CIN.

Trending no Canaltech:

Canaltech
Compartilhar
Publicidade
Publicidade