Terra
E-mail Chat √ćndice
 
 
Diversão  > Grotão do Café Amarelo
 not√≠cias por e-mail fale conosco  

 Sites relacionados
Blog
Conexão Disney
Fotolog
Fotosite
GLS Planet
Guia de Cidades
MTV
Mundo das Crianças
Palavras Cruzadas
Portal Literal
Rádio Terra
Teatro Chik
Videokast
Virtual Books

 Fale conosco
Participe e envie suas sugestões aqui!

 Boletim
Receba as novidades por email. Grátis!

 
Arte e Cultura
Grotão do Café Amarelo
Grotão do Café Amarelo
Francisco Marins, conhecido como o escritor da juventude, com mais de 5 milhões de livros vendidos e traduzidos em quinze idiomas, relança o clássico Grotão do Café Amarelo.

Com este GROTÃO do Café Amarelo, Francisco Marins dá continuidade à narrativa desenvolvida em Clarão na Serra, livro inicial da série O Homem e a Terra, considerada pelo escritor Péricles da Silva, da União Brasileira de Escritores (UBE), como “a experiência mais convincente dentro da ficção e a mais completa já realizada em nossa literatura, visando ao abarcamento de um largo processo social, político, humano e econômico, de profundas raízes e de largas repercussões na própria história do País”.

Concorra a livros!

Os dramas humanos, familiares ou o das coletividades, nesta saga sertaneja, representativa de uma época, foram marcados por lutas, violências, ódios. Também por alegrias, amores felizes, desenganos – tudo a constituir os temperos, por vezes amargos, das narrativas que abrangem o suceder de várias gerações. Nunca, porém, aqueles se sobrepõem à verdadeira epopéia do desbravamento da terra; formação de povoados; vilas, freguesias, cidades, na antiga região que, ainda em épocas recentes (para a vida de um país), figurava nas cartas geográficas como “território desconhecido e habitado pelo indígena e desbravado pela cafeicultura – a maior lavoura do mundo”.

GROTÃO do Café Amarelo mostra o homem fixado no lugar, preparando-se para ampliar as áreas de cultivo, plantar, colher os frutos e tentar sobreviver, entremeado em um romance que mostra a vida em uma cidade típica do interior, com seus aspectos tradicionais e característicos. As experiências do soro antiofídico, que viria a salvar milhões de vidas, por Vital Brasil, no ambiente real em que aquele cientista fez as primeiras experiências com as cobras. Bandidos, homens rudes, mulheres valentes, lendas e costumes, misturam-se nesta obra emocionante.

Em estilo inconfundível de narrador, a mesclar ficção, realidade humana e histórica, em linguagem correta, por vezes entremeada de termos e expressões regionais, de épocas diversas, o autor tornou-se, com esta obra, um dos mais lidos e apreciados de nossa moderna literatura.

Títulos da série O Homem e a Terra: Clarão na Serra (vol. 1), GROTÃO do Café Amarelo (vol. 2) e Atalhos sem Fim (vol. 4), já reeditados pela Escrituras Editora, e ... E a Porteira Bateu! (vol. 3).

Sobre o autor:

Francisco Marins nasceu na cidade de Pratânia, São Paulo, em 1922. Descendente de tropeiros, boiadeiros e pequenos plantadores de café, passou a infância em contato com a vida rural, na qual colheu inspiração para suas obras. Os livros das séries Taquara-Póca, Roteiro dos Martírios e O Homem e a Terra, traduzidos em quinze idiomas, alcançam, com centenas de edições, cinco milhões de exemplares. Foi editor das Edições Melhoramentos, membro da Comissão Estadual de Cultura e presidente da Câmara Brasileira do Livro, tendo se empenhado na divulgação e valorização do livro. Criou, na cidade de Botucatu (interior de São Paulo), o “Convivium ― Espaço Cultural Francisco Marins” e o “Clubinho Taquara-Póca”, que visam promover o interesse pela vida rural, natureza e ecossistema. Em Pratânia, onde existe uma biblioteca com seu nome, desenvolveu amplo projeto cultural: “Taquara-Póca e Prata Antiga”, uma espécie de Pica-pau-amarelo lobatiano. É membro titular da Academia Paulista de Letras, foi seu presidente em duas gestões e é o atual presidente emérito. Recebeu prêmios e distinções literárias, como a indicação ao prêmio internacional Hans Cristian Andersen, prêmios da Academia Brasileira de Letras, União Brasileira de Escritores, Prefeitura Municipal de São Paulo, Jabuti, Pen Club de São Paulo, Calipso e Lourenço Filho. Tem seu nome em verbete na Oxford Children’s Literature e é o único escritor brasileiro a figurar na famosa coleção européia Delphin, que reúne clássicos de literatura juvenil de todo o mundo. Na Escrituras Editora, tem publicados Clarão na Serra, GROTÃO do Café Amarelo, Atalhos sem Fim e O Curandeiro dos Olhos em Gaze (volumes 1, 2, 4 e 5 da série O Homem e a Terra).

Obras em catálogo:

Romances: Clarão na Serra, GROTÃO do Café Amarelo, Atalhos sem Fim, O Curandeiro dos Olhos em Gaze (Escrituras Editora), ...E a Porteira Bateu! e Recontos.

Infanto-juvenis: Nas Terras do Rei Café, Os Segredos de Taquara-Póca, O Coleira Oreta, A Praga dos Gafanhotos, Território de Bravos, Verde era o Coração da Montanha, Expedição aos Martírios, Perdidos na Selva (série Taquara Póca/Ed. Melhoramentos), O Mistério dos Morros Dourados, A Montanha das Duas Cabeças, Em Busca do Diamante, A Aldeia Sagrada, A Guerra dos Canudos (série Vagalume/Ed.Ática), O Sótão da Múmia (Coleção Jabuti/Ed.Saraiva).

Site: www.franciscomarins.com.br

   
 
 » Conheça o Terra em outros países Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2006,Terra Networks, S.A Proibida sua reprodução total ou parcial
  Anuncie  | Assine | Central de Assinante | Clube Terra | Fale com o Terra | Aviso Legal | Política de Privacidade