PUBLICIDADE

Portugal elimina exigências da covid para entrar no país

Não é mais necessário apresentar comprovantes de vacinação nem testes negativos para Covid-19

1 jul 2022 - 18h06
(atualizado em 2/7/2022 às 09h00)
Ver comentários

A partir dessa sexta-feira, 1° de julho, os viajantes com destino a Portugal não precisarão mais a realizar testes de Covid-19 ou comprovar a vacinação para entrar no país. Há alguns meses, brasileiros já relatavam que, apesar da obrigatoriedade de testes e vacina, era comum que nenhum dos comprovantes fossem checados na chegada ao território português. A decisão do governo de eliminar todas as restrições pôs fim a essa confusão, tendo como justificativa a elevada cobertura vacinal e o quadro estável da pandemia em Portugal.

A medida segue o exemplo de outros países europeus que também eliminaram suas restrições de entrada.
A medida segue o exemplo de outros países europeus que também eliminaram suas restrições de entrada.
Foto: gemmmm/Unsplash / Viagem e Turismo

Além disso, o contexto internacional também foi motivador para a resolução. Na União Europeia, poucos países ainda mantém exigências de entrada relativas à Covid-19. Ainda é pedido comprovante de vacinação ou resultado de teste negativo para entrar na Espanha e na França, enquanto a Holanda exige apenas o comprovante de vacina. Para entrar na Alemanha, não há restrições no momento, mas, a partir de setembro, os comprovantes de vacinação das vacinas Pfizer, Moderna, AstraZeneca ou Janssen voltará a ser obrigatório.

Vale ressaltar que o uso de máscaras segue obrigatório em transportes públicos, carros e estabelecimentos e serviços de saúde em todo o território continental de Portugal. Na Ilha da Madeira, também é obrigatório usar máscaras em aeroportos e terminais marítimos, além de ser recomendável o uso da proteção em todos os espaços fechados.

Viagem e Turismo
Publicidade
Publicidade