PUBLICIDADE

Prisão de ventre dá mau hálito! As causas mais inusitadas pro bafinho

Por mais que esse mal seja um problema bastante comum, ainda existem muitas coisas que pouca gente sabe

6 jul 2022 - 10h00
(atualizado às 10h17)
Publicidade
Medidas simples como aumento no consumo de fibras e no consumo de água podem melhorar o hálito intestinal
Medidas simples como aumento no consumo de fibras e no consumo de água podem melhorar o hálito intestinal
Foto: Pexels

Engana-se quem pensa que a causa do mau hálito está apenas na boca. Os motivos para ter o temido bafinho são variados e, algumas vezes, muito inusitados. Se você sofre de prisão de ventre, por exemplo, é bom ficar atento.

Isso porque estudos indicam que fezes acumuladas por um longo período no intestino exalam componentes malcheirosos que acabam sendo absorvidos pela corrente sanguínea. Esses compostos, por sua vez, são liberados na respiração, pelos pulmões, o que causa uma alteração no hálito, que é classificado como hálito fecal.

Medidas simples como aumento no consumo de fibras e ingestão de água podem melhorar o hálito intestinal de pessoas que sofrem com o problema. A prática de exercícios físicos regulares (exercícios aeróbicos, ao menos três vezes na semana) também ajuda. 

Você sabia que o mau hálito pode ser psicológico? Ou então que ele pode causar depressão? Por mais que esse mal seja um problema bastante comum, ainda existem muitas coisas sobre ele que pouca gente sabe. Por isso, veja algumas curiosidades sobre o assunto.

Mau hálito pode ser psicológico
A impressão de se estar com mau hálito é muito mais comum do que você imagina. Muitas pessoas podem achar que têm halitose pois associam atitudes como coçar o nariz perto delas ao fato de estarem com cheiro ruim na boca.

Medicamentos podem contribuir
Existem vários outros motivos que podem causar a halitose, que vão desde ingestão de medicamentos até maus hábitos alimentares. Normalmente, quando a pessoa percebe que tem halitose, intensifica ainda mais seus cuidados com a higiene bucal na tentativa de acabar com o problema. Com isso, acabam causando outros problemas, como a retração gengival, que intensifica o mau hálito.  

Estresse pode piorar o mau hálito 
O estresse causa uma redução da produção de saliva, pois a atividade das glândulas salivares depende, entre outros fatores, do equilíbrio do Sistema Nervoso Central, que fica instável em situações de nervosismo.

Fonte: FF Este conteúdo é de propriedade intelectual do Terra e fica proibido o uso sem prévia autorização. Todos os direitos reservados.
Publicidade