PUBLICIDADE

Gengivas inflamadas? É melhor ficar atento à sua diabetes

Os portadores de diabetes têm, aproximadamente, quatro vezes mais chances de ter inflamações das gengivas e de perdas do suporte ósseo

20 jul 2022 - 10h00
(atualizado às 10h18)
Compartilhar
Diabéticos devem cuidar rigorosamente da higiene da boca
Diabéticos devem cuidar rigorosamente da higiene da boca
Foto: Pexels

A higiene bucal e a visita regular ao dentista ainda são as principais armas contra os problemas que afetam a boca. No entanto, o bom cuidado com os dentes pode refletir positivamente na saúde de todo o corpo e na prevenção de muitas doenças, algumas delas fatais. 

Levantamento da FDI (Federação Dentária Internacional) aponta que há países com 90% de sua população em risco de ter doenças bucais. Dentre os problemas, a gengivite atinge em maior ou menor escala praticamente todas as pessoas, e é a grande responsável pelo início dos problemas periodontais – inflamação que atinge a gengiva e pode levar à perda dos dentes.

Os portadores de diabetes têm, aproximadamente, quatro vezes mais chances de ter inflamações das gengivas e de perdas do suporte ósseo dos dentes. O agravamento desses quadros também pode se relacionar com complicações da diabetes. Por isso, os diabéticos devem cuidar rigorosamente da higiene da boca e das visitas regulares ao dentista para evitar complicações.

A diabetes dificulta o tratamento dos problemas periodontais que, ao mesmo tempo, agravam ainda mais a doença, ou seja, uma condição pode afetar o curso da outra. Prevenir, especialmente as infecções de boca, é o melhor remédio. 

É importante enfatizar a necessidade de reduzir a presença de bactérias e eliminar o biofilme dentário abaixo e acima da linha da gengiva. Isso pode ser feito com a raspagem tradicional e a regularização da raiz dos dentes, como complemento aos cuidados tomados em casa. 

O tratamento deve concentrar-se na prevenção de doenças periodontais e inflamação bucal, cujo controle é essencial no caso das complicações associadas com o diabetes. E, como sabemos que a ameaça bacteriana é um fator de risco na gengivite, mesmo entre diabéticos saudáveis com bom controle da doença, os pacientes devem ser incentivados a usar fio dental regularmente e escovar os dentes com um creme dental com flúor que oferece proteção antibacteriana.

Fonte: FF Este conteúdo é de propriedade intelectual do Terra e fica proibido o uso sem prévia autorização. Todos os direitos reservados.
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra