PUBLICIDADE

Conheça as doenças bucais mais comuns e como preveni-las

Além de exercer papel fundamental na fala, na mastigação e na respiração, a boca é a maior cavidade do corpo

16 jun 2022 - 10h00
Publicidade
A boca pode ser porta de entrada para diversas doenças
A boca pode ser porta de entrada para diversas doenças
Foto: Pexels

Você sabia que a boca desempenha importantes funções que repercutem na saúde de todo o organismo?  Além de exercer papel fundamental na fala, na mastigação e na respiração, a boca é a maior cavidade do corpo a ter contato direto com o meio ambiente, sendo a porta de entrada para bactérias e outros microrganismos prejudiciais à saúde.

Por isso, é fundamental manter uma boa higiene bucal, escovando os dentes ao menos três vezes ao dia e usando fio dental sempre. Também é importante manter hábitos saudáveis, evitando o fumo, a ingestão acentuada de bebidas alcoólicas e alimentos ultraprocessados.

Veja, abaixo, as doenças mais comuns da boca:

Cárie
: desintegração do dente provocada pela higiene inadequada, ingestão de doces e carboidratos ou, ainda, por complicações de outras doenças que diminuem a quantidade de saliva na boca. (Ex.: pessoas em tratamento quimioterápico ou radioterápico para o câncer).

Lesões bucais e aftas: inchaços, manchas ou feridas na boca, língua ou lábios; podem ser provocadas por herpes labial, candidíase (sapinho) e próteses (dentaduras) mal ajustadas.

Mau hálito: tem várias causas, dentre elas: higiene bucal inadequada; gengivite; ingestão de certos alimentos como, alho ou cebola; tabaco e produtos alcoólicos; boca seca; doenças sistêmicas como câncer, diabetes, problemas com o fígado e rins. A língua possui diversas papilas gustativas entre as quais se formam criptas, ou seja, saquinhos que retêm resíduos de alimentos, células descamadas que começam a fermentar, formando uma placa bacteriana esbranquiçada que aparece no fundo da língua, em direção à ponta, a chamada saburra lingual; essa é, sem dúvida, a principal causa do mau hálito.

Gengivite: inflamação da gengiva provocada pela placa bacteriana.

Placa bacteriana: é o conjunto de bactérias que coloniza a cavidade bucal. A placa bacteriana fixa-se principalmente nas regiões de difícil limpeza, como a região entre a gengiva e os dentes ou a superfície dos dentes de trás, provocando cáries e formação de tártaro.

Tártaro: é o endurecimento da placa bacteriana na superfície dos dentes.

Para evitar esses males, adote os seguintes hábitos:

Escove os dentes adequadamente e ao menos três vezes ao dia, sem dispensar o uso do fio dental. Não se esqueça de higienizar a língua, utilizando um raspador, a fim de retirar a saburra lingual. Faça o uso adequado do flúor, com cremes dentais fluoretados.

Evite açúcar e o consumo excessivo de doces, assim como cigarro, álcool e alimentos ultraprocessados. Visite o dentista ao menos de seis em seis meses.

Fonte: Ministério da Saúde

Fonte: FF Este conteúdo é de propriedade intelectual do Terra e fica proibido o uso sem prévia autorização. Todos os direitos reservados.
Publicidade