4 eventos ao vivo

OMS afirma que epidemia de cólera já provocou 1.100 mortes no Iêmen

18 jun 2017
15h05
  • separator
  • comentários

A epidemia de cólera que afeta o Iêmen já provocou 1.100 mortes, informou neste domingo a Organização Mundial de Saúde (OMS), que indica que os casos de pessoas com suspeita de terem contraído a doença chega a 158.960.

A doença afeta 20 províncias do país, o equivalente a 87% do território iemenita, segundo a delegação da OMS no Iêmen.

A epidemia foi declarada no último dia 27 de abril pelas autoridades locais. Desde então, a doença tem se espalhado por todo o país, com uma maior incidência no norte e no centro, regiões controladas pelos rebeldes houthis.

As infraestruturas de saúde no Iêmen foram muito afetadas pelo conflito armado entre rebeldes e as forças governamentais. O acesso à água potável também foi prejudicado pelo confronto.

Além disso, muitas pessoas passam fome no Iêmen por causa da guerra, o que aumenta a vulnerabilidade dos doentes.

A cólera é uma infecção intestinal aguda causada pela ingestão de alimentos ou água contaminada pela bactéria "vibrio cholerae", que, nos casos mais graves, pode provocar a morte em poucas horas se o doente não receber tratamento adequado.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade