3 eventos ao vivo

Nutrientes que você não consegue obter em fontes animais

9 out 2018
07h11
  • separator
  • comentários

Alimentos de animais e vegetais têm muitas diferenças. Principalmente em seu valor nutricional, assim como muitos nutrientes são específicos tanto para plantas como para animais. Para uma nutrição adequada, faz sentindo seguir uma dieta balanceada que inclua ambos. A Vitamina C é a única vitamina essencial não encontrada em quantidades ideais em alimentos de origem animal. É um poderoso antioxidante que é importante pra a manutenção do tecido conectivo. Além de ser um cofator de várias enzimas no corpo. Entre as fontes estão frutas, principalmente as cítricas, vegetais, alimentos fortificados ou suplementos. No entanto, a maioria das pessoas atingem as necessidades diárias dessa vitamina e normalmente não precisam suplementá-la.

Os flavonoides são o grupo mais comum de antioxidantes presentes em plantas. São encontrados em praticamente todas. A quercetina é um dos flavonoides mais comuns. O seu consumo está relacionado com uma menor pressão arterial e uma redução no risco de doença cardíaca. Ela é encontrada na maioria dos alimentos de origem vegetais, mas fontes ricas incluem a cebola, cacau, cranberry e maçã. Os benefícios de outro flavonoide, a catequina, tem sido associada com uma redução na pressão arterial, melhora na função vascular e na queda do colesterol. Ela é encontrada em muitas frutas e bebidas como damasco, maçã, pera, pêssego, chá, uvas, cacau e vinho tinto.

A fibra é derivada de vegetais e é responsável por muitos benefícios à saúde. Muitos tipos de fibras são também prebióticos. Como prebióticos eficazes, a beta-glucana, a pectina e a inulina fermentam no colo intestinal e estimulam o crescimento de bactérias benéficas (bifidobactérias). Isso leva a uma saúde melhor do colo intestinal. A pectina também pode ajudar a atenuar a diarreia crônica e moderar os níveis de açúcar sanguíneos após as refeições.

Referência

http://authoritynutrition.com/10-nutrients-you-cant-get-from-animal-foods/

Estadão Conteúdo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade