PUBLICIDADE

Exercícios e alimentação podem aumentar a imunidade de gestantes

Especialistas revelem algumas atitudes simples que podem fortalecer a saúde

6 out 2021 14h02
| atualizado às 14h14
ver comentários
Publicidade
Atividades precisam de acompanhamento médico
Atividades precisam de acompanhamento médico
Foto: Shutterstock / Saúde em Dia

A gravidez é um período muito importante e delicado para a saúde das mulheres. É necessário ter uma boa estrutura física e emocional para garantir que o período de gestação será tranquilo. O organismo passa por inúmeras mudanças hormonais e fisiológicas e o cuidado com a saúde, nessa hora, precisa ser redobrado também.

É comum que algumas mulheres grávidas sofram com a queda de imunidade, por exemplo. Algo que, se não tiver a devida atenção, pode favorecer o aparecimento de doenças. "O sistema imunológico da mulher grávida trabalha de forma menos agressiva para evitar que o organismo reconheça o feto como um corpo estranho e o rejeite, tornando-se assim menos eficiente no combate a agentes patógenos e, consequentemente, mais vulnerável a sofrer com infecções e complicações que podem colocar a saúde da mãe e do bebê em risco", explica o Dr. Rodrigo Rosa, ginecologista obstetra.

Porém, existem quatro maneiras simples de potencializar a saúde das gestantes e aumentar a imunidade do organismo. Confira:

Alimentação saudável

Sabe aquela crença popular de que mulheres gestantes estão liberadas para comer o que quiserem? Pois é, elas até podem comer um pouco de tudo, mas é fundamental ter consciência e evitar abusos. Além de garantir a ingestão de todos os nutrientes necessários para uma gestação saudável.

"A alimentação, possui um papel fundamental na manutenção e fortalecimento do organismo, pois é responsável por fornecer nutrientes essenciais para as funções orgânicas, inclusive as imunológicas", explica a Dra. Marcella Garcez, médica nutróloga e professora da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN).

Uma boa dica é apostar em alimentos ricos em betacaroteno, como damasco, cenoura, abóbora, mamão, manga e batata-doce. Além de buscar fontes de vitamina C e B6, encontradas em ingredientes como frutas cítricas, batata inglesa, aveia, banana, gérmen de trigo, abacate, levedo de cerveja, cereais, sementes e nozes.

Atividades físicas

Praticar algum tipo de exercício físico de baixa intensidade e sem impactos pode ser fundamental para uma gestação saudável. "Isso porque a prática de atividade física promove um estímulo da produção dos linfócitos, células de defesa do organismo que atuam no combate a vírus, bactérias e outros agentes patógenos que podem causar doenças", afirma o Dr. Rosa.

No entanto, antes de iniciar algum tipo de esporte, é necessário passar por uma avaliação médica adequada. "As melhores opções de atividade física para mulheres grávidas incluem caminhada, hidroginástica, natação, bicicleta e ioga", finaliza o especialista.

Fonte: Alto Astral

Saúde em Dia
Publicidade
Publicidade