1 evento ao vivo

Inimigos do cardápio: alimentos que podem prejudicar a saúde

Apesar de populares, alguns nutrientes precisam ser consumidos com cuidado. Afinal, em excesso, podem oferecer perigos ao organismo e atrapalhar o desempenho físico

17 jan 2019
14h53
  • separator
  • comentários

Para ter um organismo em pleno funcionamento, é preciso escolher bem o que você coloca no cardápio. Afinal, ficar uma hora por dia na academia, provavelmente, não será suficiente para ter um corpo totalmente saudável.  Dessa forma, é necessário tomar cuidado com alimentos que podem prejudicar a saúde. "Alguns nutrientes estimulam uma resposta imunológica do organismo por conta de um processo alérgico e podem gerar inflamações no corpo", afirma a nutricionista esportiva Camila Gomes, da clínica New Millen, de São Paulo (SP).

Inimigos do cardápio: alimentos que podem prejudicar a saúde
Inimigos do cardápio: alimentos que podem prejudicar a saúde
Foto: Shutterstock / Sport Life

Os efeitos dos alimentos são desde o aumento de peso, o desconforto gastrointestinal, o inchaço do abdome, até a absorção prejudicada dos nutrientes. A especialista esclarece que, "os sinais dessas inflamações não são graves na maioria das vezes". No entanto, ao longo do tempo, os alimentos podem prejudicar a saúde. "Elas estão relacionadas a doenças crônicas, como diabetes, artrite, câncer, obesidade e problemas cardiovasculares", afirma Camila. Ou seja, reduzir o consumo dos itens a seguir é o caminho certeiro para viver com mais saúde.

Alimentos que podem prejudicar a saúde

Foto: Shutterstock / Sport Life

1. Batata frita: não só ela, mas as frituras em geral (coxinha, nuggets, pastel) são imersas em "óleo quente, que têm suas características químicas alteradas, causando inflamações e favorecendo a formação de substâncias cancerígenas", alerta Camila.

2. Refrigerante: não importa se é light ou não. "As duas versões são produzidas com várias substâncias prejudiciais e inflamatórias, como corantes, ácido fosfórico, xarope de milho e açúcar, que podem gerar problemas renais e até hiperatividade. Os light ainda têm edulcorante (adoçantes artificiais), que também causam inflamações. "Os refrigerantes também acidificam o pH do sangue e, assim, o corpo acaba inflamando", comenta a nutricionista esportiva Tatyana Dall'Agnol, da BeNutry, em São Paulo (SP).

3. Álcool: a substância é naturalmente irritante para o nosso corpo e, para piorar, leva dias para ser eliminada do organismo segundo Camila. Estudos apontam ainda que a substância em excesso facilita a passagem de bactérias pelo intestino, aumentando as inflamações. Então, deixe para brindar apenas em ocasiões especiais e não exagere!

4. Doces: Tatyana explica que o açúcar causa inflamações no organismo, principalmente por ter alto índice glicêmico. "É como se o corpo não conseguisse lidar com a quantidade de açúcar ingerido. Então o pâncreas libera muita insulina, que é inflamatória e gera uma resposta imune do organismo", explica a nutricionista.

Texto: Diana Cortez e Matheus Santos/Colaboradores - Consultorias: Camila Gomes e Tatyana Dall'Agnol, nutricionistas esportivas.

Sport Life

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade